PT fica sem argumento para tirar Marília Arraes do páreo no Recife.

segunda-feira, 20 de julho de 2020


O Partido dos Trabalhadores ficou sem saída convincente para tirar mais uma vez a ex-vereadora e deputada federal Marília Arraes da disputa eleitoral, como aconteceu em 2018. Primeiro, historicamente o PT sempre marcou presença em todas as eleições na capital pernambucana com candidaturas.

Foi justamente por essa constância que conseguiu emplacar o prefeito da cidade por três vez. Após uma campanha conturbada em 2000, que era considerado uma “zebra”, João Paulo derrotou o então prefeito Roberto Magalhães (PFL) no segundo turno, com uma diferença de apenas 5.835 votos dando ao PT um projeção estadual. O petista não apenas foi eleito, mas reeleito e ainda fez o seu sucessor, João da Costa (PT). Mesmo não indo para a reeleição com João da Costa, a sigla lançou Humberto Costa que figurou em terceiro lugar.

Voltando para Marília, ela é a única candidata do PT entre as capitais que aparece com chances reais nas pesquisas. Por causa disso o diretório nacional está de olho neste pleito. Portanto, tirar Marília nessa altura do campeonato será mais que uma missão impossível para os que defendem a manutenção da aliança com a Frente Popular.

TORCIDA PETISTA – Um petista de alto escalão revelou à Coluna que se confirmando a candidatura de Marília, “se ela não tiver no segundo turno, João Campos poderá já contar com o voto irrestrito dos petistas”. Ele deixou entender também que esse é um tema que não terá unidade na base já agora no primeiro tempo da eleição.

Fonte:https://www.blogdoelielson.com.br/
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página