Diretor do Sinpol é punido por desrespeitar Paulo Câmara

terça-feira, 2 de junho de 2020


 O presidente do Sindicato dos Policiais Civis de Pernambuco (Sinpol), Áureo Cisneiros, foi punido pela Secretaria de Defesa Social (SDS) por se manifestar com palavras depreciativas e desrespeitosas ao governador de Pernambuco, Paulo Câmara (PSB). A secretaria penalizou o comissário com 20 dias de suspensão convertidos em multa.

Segundo a portaria, o sindicalista, em 26 de abril de 2018, afirmou que Paulo Câmara era perseguidor dos movimentos sociais e que se utilizava dos órgãos da administração pública para fins políticos. Cisneiros também teria dito que o governo utilizava a Corregedoria da SDS para finalidades políticas e não queria que a Polícia Civil investigasse crimes, por isso o crescimento da violência.


Fonte: Leia já
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página