Covid-19: Pernambuco confirma 1.065 novos casos e 140 mortes

quinta-feira, 28 de maio de 2020


A Secretaria Estadual de Saúde de Pernambuco (SES-PE) notificou, nesta quarta-feira (27), 140 novas mortes em decorrência da Covid-19, doença provocada pelo novo coronavírus. É o maior registro diário de óbitos desde o início da epidemia no Estado.

Foram adicionados também 1.065 novos casos, sendo 247 enquadrados como Síndrome Respiratória Aguda Grave (Srag) e 818 como leves. Agora, Pernambuco soma 29.919 casos oficialmente diagnosticados da Covid-19, dos quais 13.086 são graves e 16.833, leves. O número total de mortes é 2.468, com outros 272 óbitos ainda em investigação.

Curas
O boletim desta quarta aponta mais 1.239 curas no Estado, que passa a somar 10.102 pacientes recuperados. Desses, 4.173 haviam desenvolvido a forma mais grave da Covid-19, enquanto 5.929 tiveram sintomas brandos.

Graves
Entre os casos graves ativos, 1.362 evoluíram bem, receberam alta hospitalar e concluem tratamento em isolamento domiciliar. Outros 5.083 estão internados, sendo 225 em terapia intensiva (UTI) e 4.858 em leitos de enfermaria, tanto na rede pública quanto privada. Até agora, os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por 159 municípios pernambucanos, além do Arquipélago de Fernando de Noronha e da ocorrência em pacientes de outros estados e países.

Óbitos
Os 140 óbitos notificados nesta quarta aconteceram entre os dias 19 de abril e 26 de maio. Segundo a secretária executiva de Vigilância à Saúde do Estado, Luciana Albuquerque, o fato de óbitos com mais de um mês de ocorridos terem sido registrados somente agora está relacionado a um atraso nas informações repassadas pela rede hospitalar pública e privada. Ela explicou que tem pacientes que evoluem para óbito antes mesmo de terem sido submetidos a exames. Em outros casos, pessoas já com resultado positivo e que faleceram recentemente demoram a ser notificadas pelas unidades às secretarias municipais e, consequentemente à pasta estadual.

As vítimas são 79 homens e 61 mulheres, pessoas residentes nos municípios de Recife (66), Jaboatão dos Guararapes (16), Paulista (11), Olinda (9), Escada (4), Abreu e Lima (3), Caruaru (3), Igarassu (3), Cabo de Santo Agostinho (2), Camaragibe (2), São Lourenço da Mata (2), Arcoverde (1), Vitória de Santo Antão (1), Ipojuca (1), Sertânia (1), Ribeirão (1), Condado (1), Surubim (1), São Francisco do Monte (1), Quixaba (1), Petrolina (1), Moreno (1), Água Preta (1), Carpina (1), Nazaré da Mata (1), Bezerros (1), Cupira (1), Ipubi (1), João Alfredo (1) e Lagoa do Carro (1). Com isso, já são 2.468 mortes pela Covid-19 no Estado.

Os pacientes tinham idades entre 25 e 95 anos - 20 a 29 (1), 30 a 39 (5), 40 a 49 (5), 50 a 59 (25), 60 a 69 (27), 70 a 79 (33), 80 ou mais (44). Das 140 vítimas, 72 apresentavam comorbidades confirmadas: hipertensão (41), diabetes (29), doença cardiovascular (16), doença renal (6), obesidade (6), histórico de AVC (6), doença pulmonar obstrutiva crônica (4), câncer (4), doença respiratória (4), tabagismo/histórico de tabagismo (4), etilismo (3), doença hematológica (3), doença de Alzheimer (2), asma (2), doença neurológica (1), doença autoimune (1), doença vascular (1), insuficiência respiratória (1), doença hepática (1), anorexia (1) e imunodeficiência (1) - o mesmo paciente pode ter mais de uma comorbidade. Três não tinham comorbidades e os demais estão em investigação pelos municípios.

Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página