Decreto de Paulo Câmara obriga o uso de máscaras em PE

sexta-feira, 24 de abril de 2020


O governo de Pernambuco assinou um decreto que entrará em vigor na próxima segunda-feira (27) obrigando funcionários e colaboradores dos serviços essenciais o uso de máscara. O texto ainda recomenda o uso ao público geral.No início de toda a pandemia o Estado, assim como a Organização Mundial da Saúde (OMS), não recomendava o uso do equipamento para quem não apresentasse os sintomas, mas com o crescimento do número de casos a postura mudou. 

“Estamos seguindo, em Pernambuco, a orientação já firmada pela Organização Mundial de Saúde em relação ao uso de máscaras de proteção, que são importantes para evitar que seu usuário contraia o vírus, mas também igualmente importantes para reduzir o alastramento da doença”, declarou o governador Paulo Câmara. 


O governador também citou que uma linha de crédito para adquirir mais de 200 mil máscaras junto a micro e pequenas empresas do polo têxtil do Agreste. O equipamento começará a ser distribuído nesta sexta-feira (24): "iniciaremos a distribuição entre os servidores públicos de setores que permanecem com atendimento ao público”, disse o governador. Mais um milhão de máscaras já foram encomendadas além das 200 mil já adquiridas.Em contrapartida, o secretário Estadual de Saúde tratou de ressaltar que mesmo com a máscara todos os cuidados devem ser mantidos. "A máscara apesar de ajudar não torna você imune ao vírus e ela precisa ser bem utilizada. Se mal utilizada pode facilitar por uma falsa sensação de proteção".
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página