Alunos de escolas públicas estaduais começam a receber cartão-alimentação de R$ 50

segunda-feira, 20 de abril de 2020


O governo de Pernambuco começa, nesta segunda (20), a distribuição do cartão-alimentação para os estudantes das escolas públicas estaduais, que estão sem aula devido à pandemia do novo coronavírus. Após o benefício no valor mensal de R$ 50 ser distribuído no Recife até terça (21), a entrega acontece na Zona da Mata e no Agreste, na quarta (22) e quinta (23), e no Agreste e no Sertão, na quinta (23) e sexta (24).O cartão-alimentação é entregue exclusivamente ao responsável pelo estudante que está inscrito no Cadastro Único (CadÚnico), do governo federal. Essa pessoa deve ir até a escola do aluno levando um documento com foto para receber o benefício. Os estudantes não devem ir até à escola para não sair do isolamento social.

"Para que não ocorra aglomeração, os horários são divididos. Por exemplo, na segunda-feira, temos, a partir das 8h, a distribuição das turmas de educação de jovens e adultos, Travessia, educação especial e outras modalidades. A partir das 9h, começamos a distribuição do 6º ano. À tarde, começam as distribuições do 9º ano, às 13h. Às 14h, os primeiros anos do ensino médio. Na terça, é o dia do 8º ano, 2º ano, 7º ano e do 3º ano", disse o secretário estadual de Educação, Fred Amâncio.No site Educação PE, é possível fazer uma consulta para saber quem tem direito ao benefício, que contempla alunos em situação de vulnerabilidade e que dependem da merenda fornecida pelas escolas. Para as famílias com mais de um filho matriculado na rede, é entregue apenas um cartão, mas com o valor equivalente à quantidade de estudantes.

A iniciativa recebeu um investimento de R$ 12 milhões. O valor de R$ 50 pode ser utilizado apenas na compra de produtos alimentícios, segundo o governo estadual, que informou que o cartão-alimentação beneficia cerca de 240 mil estudantes da rede pública estadual.

"Os responsáveis receberão uma cartilha importante, produzida pela nossa equipe de alimentação escolar, para orientar os pais sobre quais alimentos devem ser adquiridos. O cartão só pode ser utilizado para alimentos em estabelecimentos credenciados, são mais de 9.300 supermercados, mercadinhos e padarias", afirmou o secretário.

Fonte : G1 Caruaru
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página