Projeto Cidadania Vez e Voz estará em Lagoa de Itaenga e Passira, em dezembro

quinta-feira, 28 de novembro de 2019


O projeto Institucional Cidadania com Vez e Voz, desenvolvido pelo Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Justiça de Defesa da Cidadania (Caop Cidadania), do Ministério Público de Pernambuco (MPPE), estará nas cidades de Lagoa de Itaenga e Passira, nos dias 5 e 10 de dezembro, respectivamente. A iniciativa tem como finalidade aproximar o Ministério Público de toda a sociedade pernambucana, por seus diversos segmentos, promovendo a realização de palestra e escuta da população acerca de suas necessidades, e registro de denúncias. Nos dois dias haverá tradução simultânea em Língua brasileira de sinais (Libras).

A programação conta com palestra da coordenadora, espaço para diálogo com os participantes, recolhimento de denúncias e aplicação de questionário que contempla diversos temas que compõem o portfólio da cidadania. “A partir da escuta da população é possível identificar as principais necessidades de cada região visitada e propor um diagnóstico preciso do que são prioridades para cada município. Assim, o trabalho continua após o evento, com o encaminhamento das denúncias às autoridades competentes e a produção de relatório de diagnóstico que subsidiará a posterior atuação do promotor local, com o apoio do Caop Cidadania”, destacou a coordenadora do Caop Cidadania, a promotora Dalva Cabral.

Entre as principais demandas apontadas pelos cidadãos durante os eventos, estão: a ausência de políticas públicas que melhorem a vida local, seguida de temáticas como educação, mobilidade, iluminação pública, abuso sexual, entre outras. "A insatisfação da população com a ausência de políticas públicas que resultem em uma melhoria do seu dia a dia é uma constante em todas as cidades que estamos passando. Em algumas delas, temos tido a presença de prefeitos e gestores municipais, o que tem sido muito rico, pois permite que o cidadão tenha um contato direto e possa cobrar ações ou realizar denúncias", ressaltou a promotora de Justiça Dalva Cabral.
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página