Deputado Ossesio Silva (PRB-PE) defende projeto que aumenta o desconto na conta de luz para famílias de baixa renda

sexta-feira, 12 de abril de 2019


Brasília, DF – O Deputado Federal Ossesio Silva (PRB-PE) defende a aprovação do Projeto de Lei do Senado 260/2017, do senador Roberto Rocha (PSDB-MA), que prevê desconto na conta de luz de até 70% para famílias de baixa renda. A proposta foi aprovada no Plenário do Senado nesta quarta-feira (10) e segue para ser avaliada na Câmara dos Deputados.


“Com certeza votarei a favor dessa proposta que, se aprovada, permitirá maior desconto no consumo da luz para as famílias de baixa renda. Isso ajudará muitas famílias a economizar na sua renda mensal”, destaca Ossesio.


O Projeto altera a Lei nº 12.212/2010, modificando as faixas de consumo e percentuais de desconto aplicados aos beneficiários da Tarifa Social de Energia Elétrica. Essa Lei já concede descontos tarifários a famílias de baixa renda, “permitindo maior sobra de recursos para as demais despesas familiares”, justifica o autor da proposta. Entretanto, de acordo com o senador Roberto Rocha, tal benefício concedido é ainda muito baixo, considerando as necessidades das populações carentes.


Neste sentido, o presente projeto busca alterar as faixas de consumo e percentuais de descontos aplicados nas tarifas de energia elétrica dos consumidores de baixa renda, “propiciando melhores condições de vida para esses consumidores. Esta mudança privilegia especialmente os estados mais pobres, que contam com maior número de consumidores enquadrados na categoria, reduzindo, desta forma, as desigualdades regionais existentes no Brasil”, explica o texto da proposta. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), em Pernambuco, 1,2 milhão de pessoas vivem em extrema pobreza.


Os descontos serão bancados pela Conta de Desenvolvimento Energético (CDE), que tem orçamento para 2019 de mais de R$ 20 bilhões. A CDE tem como um de seus objetivos justamente subsidiar descontos tarifários a diversos usuários, como famílias de baixa renda, consumidores rurais e irrigação.

Texto: Priscylla Damasceno / Ascom Deputado Federal Ossesio Silva
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página