Regularização Fundiária no Sertão do Pajeú recebe reforço de equipe multidisciplinar do Iterpe

segunda-feira, 29 de abril de 2019


As atividades de aperfeiçoamento dos cadastros das famílias de agricultores ocupantes de imóveis rurais do Sertão do Pajeú estão sendo realizadas pelo Instituto de Terras e Reforma Agrária de Pernambuco (Iterpe), em conjunto com a empresa Geosolos, nos municípios de Afogados da Ingazeira, Tuparetama e Santa Terezinha, entre os dias 22 e 26 desta semana. Os trabalhos compõem um conjunto de ações de acesso à terra que estão sendo realizadas em campo de forma multidisciplinar com o objetivo de avançar os processos de Regularização Fundiária no total de 12 municípios.

As ações de campo estão sendo fortalecidas por meio de uma equipe técnica multidisciplinar formada por advogados, assistentes administrativos, técnicos agrícolas e de georreferenciamento. As atividades compõem o planejamento previsto no convênio firmado entre o Iterpe e a União com o objetivo de legalizar os imóveis rurais ocupados na região e beneficiar as famílias de agricultores com os títulos de propriedade devidamente registrados em cartório.

Entre os dias 08 e 17 deste mês foram realizadas fiscalizações do trabalho de geocadastramento no Agreste Meridional e Sertão do Pajeú.

Comissão de Educação aprova critérios mais rígidos para compra de merenda Comissão de Educação aprova critérios mais rígidos para compra de merenda


A Comissão de Educação da Câmara dos Deputados aprovou regras para garantir que os alimentos da merenda escolar estejam no prazo de validade. O projeto de lei 4.161/15, relatado pelo deputado Danilo Cabral (PSB/PE), estipula critérios para a aquisição de produtos através do Programa Nacional de Alimentação Escolar (PNAE). 


O texto, da deputada Luizianne Lins (PT/CE), foi provado com uma emenda para tornar o original mais claro. A exigência é que os alimentos comprados pelo PNAE sejam entregues às escolas com validade superior à metade do prazo entre a fabricação e a data final. O relator, deputado Danilo Cabral, disse que a exigência vai combater o desperdício nas escolas públicas da educação básica e impedir o consumo de alimentos estragados pelos alunos.


Para Danilo Cabral, o projeto é mais uma medida para a melhoria da alimentação escolar. “Não é aceitável que, no âmbito das instituições educacionais, ocorra uma verdadeira corrida contra a data de validade, desorganizando o cardápio e gerando desperdício de alimentos”, afirmou o parlamentar. Segundo ele, a atenção do Poder Público com o prazo de validade dos alimentos que são distribuídos vai permitir não só o melhor aproveitamento dos gêneros alimentícios como também a melhor organização dos cardápios elaborados pelos nutricionistas. “Assim, será possível evitar a corrida desenfreada contra o tempo para aproveitar esses alimentos antes que vençam”, afirmou.


A proposta determina ainda que os Conselhos de Alimentação Escolar terão a obrigação de zelar pela qualidade dos alimentos, em especial quanto às condições higiênicas, e pela aceitabilidade dos cardápios oferecidos aos alunos da educação básica pública. “Queremos fazer com que a qualidade dos alimentos seja superior à oferecida atualmente. Consequentemente, isso gera uma melhoria no desempenho dos estudantes”, explicou. 

Orobó: 41 famílias são contempladas com casas populares


Neste domingo (28), a prefeitura de Orobó realizará a entrega das chaves de 41 casas populares construídas através do Programa Minha Casa, Minha Vida, na Vila Caraúbas. O ato oficial está marcado para as 15h, na própria vila. Nos últimos dias, as famílias beneficiadas estão tendo acesso às residências para limpeza e organização dos móveis.  

Segundo o prefeito Cléber Chaparral (PSD), a contrapartida da prefeitura foi a doação do terreno. “Essas casas são presentes de Deus na vida desses novos moradores, que pagavam alugueis e agora terão a oportunidade de chamar de meu lar, onde poderão chegar e descansar depois de um dia de trabalho”, comemorou Chaparral.

Por conta da demora na finalização da obra – em virtude de problemas na liberação de recursos de ordem federal – o gestor municipal articulou um mutirão com os moradores beneficiados para que o loteamento ficasse pronto para habitação. Chaparral adiantou para nossa reportagem que o deputado federal Fernando Filho (DEM) destinou emenda parlamentar no valor de R$ 600 mil, que será utilizada na pavimentação da comunidade.

Para ter direito ao imóvel, as famílias passaram por cadastramento, avaliação e acompanhamento de técnicos da Secretaria de Assistência Social de Orobó. Os contemplados estão na faixa de baixa renda e são beneficiários dos programas sociais do Governo Federal. “Nossa gestão teve o maior cuidado de contemplar quem realmente precisa. Esse é o papel das políticas públicas”, pontuou o prefeito. 

(Foto | Edinho Soares)
do Blog do Agreste

Deputado Ossesio Silva quer mais qualidade de vida para empregadas domésticas


No dia  (27/4) o Deputado Ossesio Silva (PRB-PE) lembra das empregadas domésticas de todo o Brasil. No Brasil existe a maior população de empregadas domésticas do mundo, são 6,3 milhões, de acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia Estatística (IBGE).

Desse total, 1,5 milhão têm carteira de trabalho assinada; 2,3 milhões estão na informalidade; e 2,5 milhões trabalham como diaristas – ou seja, até dois dias por semana para o mesmo contratante, sem vínculo empregatício.

Informações da Organização Internacional do Trabalho (OIT) mostram que a maioria delas são negras e com baixa escolaridade, exercem suas funções em condições precárias e recebem salários baixos. "Isso têm que mudar. Precisamos aperfeiçoar a legislação para diminuir a carga horária de trabalho e aumentar o salário dessas profissionais. O objetivo é dar mais qualidade de vida", ressalta o Deputado Ossesio Silva.

Rodrigo Maia afirma que a Câmara não aprovará aumento de impostos


O presidente da Câmara, Rodrigo Maia, afirmou por meio de sua rede social nesta segunda-feira (29) que a Câmara não vai aprovar aumento de impostos. Segundo ele, o foco da Casa é a aprovação da reforma da Previdência, para depois pensar no corte de impostos quando a Câmara discutir a reforma tributária.

A declaração de Maia foi uma reação à fala do secretário especial da Receita Federal, Marcos Cintra, que defendeu a criação de um novo imposto para acabar com a contribuição previdenciária que incide sobre a folha de pagamento. O imposto, segundo Cintra, recairia, inclusive, sobre igrejas.

“Não vamos tratar de aumento de impostos na Câmara, não passa. O foco agora é a Previdência para fazer o País crescer, gerar empregos. Depois vamos debater a reforma tributária para cortar impostos, não para aumentar”, disse Maia.

Ex-prefeito de Surubim Túlio Vieira tem carro roubado em assalto.

domingo, 28 de abril de 2019


Na noite deste sábado 27 o ex- prefeito da cidade de Surubim Túlio Vieira Duda, quando realizava um visita na casa da vereadora Ivete do sindicato na estação experimental teve seu carro tomado por assaltantes. Conforme o Boletim de Ocorrência. registrado na delegacia do municípios, enquanto o ex- prefeito conversava dentro da casa da presidente do sindicato, pessoas ligado a ele identificadas como marcos Antônio e Leonardo aguardavam forra da residencia, quando foram surpreendidos por dois homens, armados que rederam as vitimas levando os objetos pessoas e também o carro de placa PCI-8074 . A policia está investigando o caso.

Paulo Câmara inaugura Sistema Adutor de Caetés e Capoeiras

sexta-feira, 26 de abril de 2019


O governador Paulo Câmara inaugurou, nesta sexta-feira (26.04), o Sistema Adutor dos municípios de Caetés e Capoeira, localizados no Agreste Meridional de Pernambuco. A ação, cujo aporte foi de R$ 15 milhões – entre serviços e materiais -, reforça o abastecimento das duas cidades, levando água tratada e de qualidade para 18 mil pessoas a partir de uma nova adutora, de 28 quilômetros de extensão, saindo da Estação de Tratamento de Água de Garanhuns.

“Desde o início do nosso governo, a água sempre foi uma das maiores prioridades. Por isso, fomos atrás de alternativas para conseguir entregar uma obra em uma área tão sensível, que é a de abastecimento de água. A questão era fundamental, já vinha sendo cobrada há muito tempo, e em menos de um ano a gente consegue inaugurar”, afirmou o governador, acrescentando que ações semelhantes foram executadas ou estão em andamento por todo o Estado. “Vamos continuar a olhar o que precisa ser feito em todas as áreas. Vamos fazer com que as pessoas tenham água saindo das torneiras das suas casas, para viver de forma digna em todo o Estado”, completou.

A obra consiste na captação de água da Estação de Tratamento de Água (ETA) de Garanhuns, onde será implantada uma estação elevatória dotada de um poço de sucção com volume em torno de 50 metros cúbicos (m³). O presidente da Compesa, Roberto Tavares, explicou que a obra iria integrar a segunda etapa da Adutora do Agreste, mas diante da situação de seca forte, o governador Paulo Câmara determinou que fossem apresentadas alternativas para acelerar a chegada de água aos dois municípios. “Fizemos essa obra em menos de um ano e já estamos beneficiando as duas cidades. Agora, as pessoas terão um insumo básico nas suas vidas”, comemorou.

DESENVOLVIMENTO AGRÁRIO – Ainda em Caetés, o governador Paulo Câmara assinou a Certidão de Regularização Fundiária de 51 unidades habitacionais, dentro do Programa Meu Imóvel Legal, beneficiando 255 pessoas diretamente com a escritura definitiva. O núcleo habitacional possui uma área de 2,5 hectares.

A emissão da certidão desburocratiza, simplifica, agiliza e destrava os procedimentos da regularização fundiária urbana, além de ampliar possibilidades de acesso à terra urbanizada pela população de baixa renda, promover o resgate da cidadania, aquecer o mercado imobiliário com novos registros de imóveis e contribuir para o crescimento econômico do município.

Também foi assinado um decreto em favor da bacia leiteira pernambucana, determinando que o leite vindo de outros Estados passe pelas barreiras locais com o pagamento antecipado do ICMS na aquisição de leite em estado natural. “Isso vai facilitar a aquisição das compras do leite aqui em Pernambuco e ajudar, justamente, no controle que precisamos fazer das barreiras. Ao mesmo tempo, vai dar condições de as empresas terem um leite de qualidade, um leite de Pernambuco, um leite produzido a baixo custo e que, com certeza, vai ser muito importante para os produtores rurais daqui”, afirmou o governador.

Paulo Câmara também assinou um decreto que permite aos estabelecimentos com Serviço de Inspeção Estadual (SIE) que desejarem comercializar seus produtos para outros Estados possam solicitar à Adagro a adesão ao Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI-POA). O governador ainda assinou ordem de serviço para execução dos estudos e projetos de implantação do programa de segurança alimentar para a bovinocultura de leite.

Ainda no segmento agrícola, outro decreto foi assinado, estendendo até 30 de abril de 2020 o crédito fiscal relativo à entrada em Pernambuco de milho produzido em outros Estados que seja destinado à fabricação de ração ou alimentação animal na avicultura e suinocultura. Da mesma forma que com o leite, o milho produzido em Pernambuco fica isento de impostos na saída do Estado. “Essas ações mostram a competência do governador Paulo Câmara. Medidas assim se somam a outras que virão, pois estamos seguindo em defesa do produtor de Pernambuco”, afirmou o secretário de Desenvolvimento Agrário, Dilson Peixoto.

Vários prefeitos da região participaram do evento. Entre eles, Armando Duarte (Caetés), Neide Reino (Capoeiras), Douglas Duarte (Angelim), Eudes Tenório (Venturosa), Osório Filho (Pedra), Beta Cadengue (Brejão), Tonho de Lula (Iati), Ednaldo Peixoto (Jucati), Arquimedes Valença (Buíque), Marcos Patriota (Jupi), Marquidoves Vieira (Lagoa do Ouro), Marcelo Neves (Palmeirina), Valmir do Leite (Paranatama), Dannilo Godoy (Bom Conselho), Matheus Calado (Terezinha) e Luiz Aroldo (Águas Belas), além do vice-prefeito de Caetés, Severino Gordo, do presidente da Câmara Municipal, vereador Antônio de Nina, e outras autoridades políticas da região.

Também estiveram presentes o senador Humberto Costa; o deputado federal Fernando Monteiro; os deputados estaduais Claudiano Filho e Sivaldo Albino; o presidente da AD Diper, Roberto Abreu; o presidente da Perpart, Adailton Feitosa; o presidente da Adagro, Paulo Roberto; o presidente do IPA, Odacy Amorim; e os secretários-executivos Clebson Maciel (Agricultura Familiar), José Maurício (Casa Civil) e Antônio Limeira (Casa Civil).

Frentes parlamentares e sociedade civil se unem em defesa do Sistema Único de Assistência Social



Os movimentos sociais ligados à área de Assistência Social no país vêm travando uma queda de braço com o governo federal em busca de garantir que as estimativas orçamentárias propostas pelo Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS) sejam atendidas. Em 2017, durante a discussão da Lei Orçamentária Anual (LOA) de 2018, o CNAS estimou um orçamento de R$ 3,2 bilhões para o segmento. Em contrapartida, o presidente Michel Temer (MDB) apresentou uma proposta de orçamento de apenas R$ 62 milhões. A LOA de 2018 foi aprovada pelo Congresso Nacional acatando a proposta governista. Mas a pressão de frentes parlamentares e da sociedade civil por uma revisão do valor, fez com que o governo recuasse e garantisse cerca de 60% do total estimado pelo CNAS para o ano passado. Esta instabilidade em torno dos recursos reflete diretamente nos serviços ofertados pelo Sistema Único de Assistência Social (SUAS), responsáveis por acolher pessoas que estão em situação de risco social ou tiveram seus direitos violados.

Já na Lei Orçamentária Anual (LOA) aprovada para 2019, os cortes se estenderam ao Programa Bolsa Família e ao Benefício de Prestação Continuada (BPC). Estes benefícios tiveram seus orçamentos reduzidos pela metade e os pagamentos aos beneficiários estão garantidos só até junho deste ano. Para o SUAS, o conselho nacional estimou um orçamento de R$ 2,7 bilhões, mas o governo federal propôs R$ 1,7 bilhão.

A expectativa dos movimentos para a recomposição de todos estes recursos não é das melhores. Não bastasse tudo isso, o presidente Jair Bolsonaro (PSL) deixou bem claro, desde as eleições do ano passado, o seu desapreço por algumas políticas de assistência implantadas nas gestões do PT.

Pernambuco apresenta modelo de gestão dos recursos hídricos e metas voltadas para o setor durante evento em Brasília


O Governo de Pernambuco tem trabalhado no intuito de fortalecer os instrumentos de gestão dos recursos hídricos e, dessa forma, aperfeiçoar o planejamento estratégico das ações desenvolvidas no Estado. Para avançar nesse sentido, a secretária de Infraestrutura e Recursos Hídricos, Fernandha Batista, e a secretária executiva da pasta, Simone Rosa, marcaram presença no Encontro Nacional de Gestão de Recursos Hídricos e Revitalização de Bacias Hidrográficas, que aconteceu ontem e hoje (25 e 26/4), em Brasília. Na ocasião, foi apresentado o modelo de gestão executado em Pernambuco, além das principais metas voltadas para o setor.

“Ainda que Pernambuco seja uma referência nacional na área dos recursos hídricos e, historicamente, seja bastante atuante, sabemos que há muito a avançar. Por isso, o tema é uma das prioridades estabelecidas pelo governador Paulo Câmara. A intenção é progredir com metas consolidadas para a gestão integrada através dos instrumentos de políticas públicas, e, através da tecnologia e da inovação, alcançar melhoras significativas para a garantia da segurança hídrica e a interação com o meio socioambiental”, destaca Fernandha Batista.

Realizado conjuntamente pelo Ministério do Desenvolvimento Regional (MDR), Secretaria Nacional de Segurança Hídrica e pelo Departamento de Recursos Hídricos e Bacias Hidrográficas, o evento reuniu as principais instituições gestoras das águas no Brasil para compartilhar informações sobre a implementação da Política de Recursos Hídricos, ações de revitalização de bacias hidrográficas, contribuições para a construção de uma agenda estratégica para o fortalecimento do Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos e sobre a gestão das águas no país.

Dentro da programação, que contou com a presença do ministro do Desenvolvimento Regional, Marcelo Canuto, foi realizada, ainda, uma mesa com a presença dos secretários de Recursos Hídricos do Nordeste. Na oportunidade, a secretária executiva, Simone Rosa, além de apresentar o modelo de gestão utilizado em Pernambuco, destacou a importância da interação e do diálogo entre os entes envolvidos. “Foi um encontro muito proveitoso, porque reuniu as instituições responsáveis pela gestão de recursos hídricos nos estados, promovendo troca de experiências, a integração com a revitalização de bacias hidrográficas, além da própria articulação com o MDR”, pontua.


Prefeitura de Surubim oferta curso de capacitação para Agentes de Endemias.

quinta-feira, 25 de abril de 2019


Um bom relacionamento é essencial quando o assunto é combate à qualquer situação de risco pra saúde da população. Sendo assim, a Prefeitura de Surubim em parceria com a II GERES (Gerência Regional de Saúde) realizou na manhã de hoje uma reciclagem com os Agentes de Endemias do município, visando a atualizar e melhorar o trabalho realizado nas residências dos surubinenses, no combate a endemias como a dengue, por exemplo. Um investimento na prestação de serviços e na formação dos nossos servidores.

Vaquejada em Serra Talhada deve cuidar do bem-estar dos animais e da segurança do parque


Para implementar medidas necessárias à proteção da integridade física e do bem-estar dos animais que participam da 2ª Vaquejada do Parque Haras Líder, em Serra Talhada, e ordenar as festividades do evento, o proprietário do parque firmou Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) perante o Ministério Público de Pernambuco (MPPE). Por meio do termo, ele se comprometeu a seguir as boas prática as boas práticas que constam do regulamento da Associação Brasileira de Vaquejada (Abvaq), bem como observar os cuidados necessários às normas de segurança e higiene do local do evento, permitindo a fiscalização do cumprimento dessas medidas durante a festa, nos dias 25 a 28 de abril, na Fazenda Poço da Cruz. O TAC foi celebrado pelo promotor de Justiça Rodrigo Amorim da Silva Santos.

Dentre as medidas acordadas para assegurar a proteção aos animais estão a disponibilização de água e comida para bovinos e equinos; o acompanhamento constante por médicos veterinários, a fim de atender os animais em caso de doença ou lesão provocada pela pega do boi; a separação de bois com chifres pontiagudos, que possam causar risco aos competidores, às equipes de manejo e aos animais; e a proibição de os vaqueiros utilizarem freios, esporas ou outro tipo de equipamento que possa causar ferimentos aos bois.

Já para a organização da festa que envolve a vaquejada, a organização do evento deve seguir as normas apresentadas pelo TAC, como por exemplo, providenciar o encerramento de todos os shows, com o desligamento de todo tipo de aparelho que emita som às 3 horas. Outra medida que deve ser tomada é a proibição da venda de bebidas em vasilhames de vidros, assim como a proibição de venda de bebidas alcoólicas para crianças e adolescentes.

Ficou acertado que devem ser providenciados banheiros sinalizados à população durante o evento, mantendo uma equipe de funcionários para realizar a limpeza e a desinfecção dos banheiros. Além destes banheiros, a organização da festa deve ainda assegurar a disponibilidade de, pelo menos, um médico socorrista, um enfermeiro ou um técnico de enfermagem, bem como os respectivos equipamentos para atendimento de urgência e uma ambulância de plantão, durante o evento.

O evento deve contar ainda com a atuação do Conselho Tutelar, de forma que sejam dispostas as condições necessárias para as atividades do órgão durante o evento. Dois plantonistas devem ficar até o final dos eventos, além de o Conselho promover a conscientização dos participantes do evento sobre a proibição do consumo e venda de bebidas alcoólicas a crianças e adolescentes, bem como a exploração do trabalho infantil e exploração sexual.

A Polícia Militar deve providenciar e disponibilizar toda estrutura operacional necessária à segurança do evento; auxiliar diretamente o responsável pelo evento no cumprimento dos horários de encerramento da festa; e coibir a cobrança de valores por flanelinhas em estacionamentos em vias públicas.

O descumprimento de qualquer das obrigações do termo acarretará multa de R$ 10 mil por infração, revertida em favor do Fundo Estadual do Meio Ambiente, independentemente das demais sanções pertinentes, tais como embargo do Parque de Vaquejada, suspensão de suas atividades ou proibição definitiva de seu funcionamento.

Mulher é vítima de latrocínio na cidade de Frei Miguelinho no agreste de Pernambuco..

quarta-feira, 24 de abril de 2019



Um Toyota com passageiros que voltava da cidade de Surubim ,com destino a zona rural de frei Miguelinho, foi vítima de assalto na manha desta quarta feira 24 .Após os elementos rederem os passageiros e o motorista recolherem seus objetos e efetuaram disparos de arma de fogo , que vitimou a senhora Terezinha Maria dos Anjos, 40 anos de idade. O corpo da senhora foi encaminhado para cidade de Caruaru para o IML .

PMPE MUDA UNIFORME OPERACIONAL


A população do Estado de Pernambuco que estava acostumada com o uniforme dos policiais militares utilizado nas ruas, há cerca de 20 anos, perceberá uma mudança significativa do fardamento. O padrão caqui com verde cana está em processo de mudança desde o dia 27 de agosto deste ano, com a publicação do suplemento normativo nº 048 que regulamenta o novo uniforme operacional da Polícia Militar de Pernambuco.

O uniforme é destinado ao uso em serviço de policiamento ostensivo nas unidades da Região Metropolitana e interior do Estado. A mudança mais aparente é na cor, que agora é todo verde. A gandola (parte de cima do fardamento) agora é de mangas compridas, com detalhes acolchoados nos cotovelos e ombros, e na calça o mesmo reforço foi nos joelhos.

Essas alterações ajudarão na execução do serviço operacional por ter uma maior resistência e proteção nas ações. Além disso, a nova padronização é formada por um tecido misto com 50% poliamida e 50% algodão, fabricada com tela Rip Stop. As inovações proporcionarão maior conforto, protegendo o PM, inclusive do sol, por conta da proteção UV.

Algumas unidades especializadas também vão sofrer essas substituições no padrão dos seus uniformes atuais, como o Batalhão de Polícia de Trânsito (BPTran), o Batalhão de Polícia Rodoviária (BPRv), o Batalhão de Polícia de Guardas (BPGd) e a Companhia Independente de Apoio ao Turista (Ciatur).

Esse processo de substituição será realizado de forma gradativa e deve se concretizar até o final deste ano. Até lá, a população poderá ver os PMs utilizando os dois uniformes.

Governo mente e esconde dados para aprovar reforma da Previdência, acusa Humberto


Para esconder dados que não sustentam a tese oficial de que a reforma da Previdência favorece os mais pobres e vai gerar R$ 1,1 trilhão de economia em 10 anos, o líder do PT no Senado, Humberto Costa (PE), acusa o governo Bolsonaro de ter mentido e, agora, ter escondido as informações que embasaram a proposta encaminhada ao Congresso Nacional.

De acordo com Humberto, o Palácio do Planalto quer aprovar a reforma sem sequer divulgar aos parlamentares, à imprensa e ao povo os cálculos que sustentam os objetivos e metas da proposta, prevista para ser apreciada na Comissão de Constituição e Justiça da Câmara nesta terça-feira (23).
“Como um presidente que se vendeu como o transparente, como o destruidor de caixas-pretas, determina o trancamento de dados fundamentais à tomada de decisão pelo Congresso Nacional com reflexos diretos no conjunto da sociedade? É inaceitável. Nenhuma justificativa apresentada, todas frágeis, sustenta o sigilo”, argumentou.

O parlamentar lembrou que a equipe econômica do governo informou que o país vai economizar R$ 1,1 trilhão em 10 anos com a reforma, mas não apresentou as contas e, agora, esconde tudo sob de um sigilo absolutamente descabido.
“Como isso é possível? Como o Congresso Nacional pode debater, com clareza e transparência, uma medida dessa magnitude sem ter direito a receber os dados por quem deveria produzi-los? Como as assessorias técnicas desta Casa e os analistas independentes podem avaliar a precisão dos fundamentos dessa reforma?”, questionou.

Segundo ele, bastava o bom senso para que a decretação do sigilo – “inventado certamente por algum dos tantos lunáticos desse governo” – não vingasse. “Mas bom senso é tudo o que esse governo não tem. E bom senso é algo que quem não tem não sente falta”, disparou.
Para Humberto, o governo não tem nenhuma proposta para reduzir o desemprego e para direcionar recursos públicos a novos investimentos a fim de reanimar a economia.
Ele avalia que há “um samba de uma nota só” que lembra o governo Temer, que prometeu milhões de postos com carteira assinada e a volta dos investimentos com a aprovação da reforma trabalhista, e só trouxe desemprego e precarização ao mercado com a medida.

“O povo brasileiro já ouviu esse argumento. Cansamos de escutar aqui que a reforma trabalhista geraria até 6 milhões de empregos. Mas os dados estão aí para mostrar que ela só trouxe mesmo desemprego e subemprego”, ressaltou.

Na avaliação do líder do PT no Senado, o governo tem de sair dessa nota única e apresentar propostas ao país, pois as perspectivas são as piores possíveis – “e nem precisa ser economista para saber disso”.

Concurso de fotografias do Governo voltado para público LGBT repercute no Plenário


A realização de um concurso de fotografias voltado para o público LGBT e organizado pela Secretaria da Mulher do Governo Estadual gerou debate na Reunião Plenária desta terça (23). Deputados da “bancada evangélica” da Alepe criticaram o edital do concurso que, para eles, privilegiaria um grupo dentro da sociedade. Entretanto, para outros parlamentares, a medida é uma forma de promover a inserção social de um segmento historicamente excluído.

O edital do Concurso de Fotografia Marylucia Mesquita foi divulgado pela Secretaria da Mulher, na edição do dia 13 de abril do Diário Oficial do Estado. No texto, o concurso é direcionado para mulheres, “em especial lésbicas, bissexuais, travestis e transexuais”. O nome do concurso homenageia a assistente social Marylucia Mesquita, falecida em 2017, que foi conselheira do Conselho Federal de Serviço Social (CFESS) e militante da causa LGBT.

“Apesar do respeito que temos pela secretária Sílvia Cordeiro, nós repudiamos a publicação desse edital. A política pública tem que existir para todos, e não para grupos específicos”, argumentou o Pastor Cleiton Collins (PP), que foi Ele foi acompanhado pelo deputado  Adalto Santos (PSB), que pediu à Secretaria da Mulher o cancelamento do edital. “A Secretaria está criando um tumulto para o Estado, assim como foi feito no Festival de Inverno de Garanhuns do ano passado. Que seja suspenso esse edital e elaborado outro direcionado para toda a população”, reivindicou.

Joel da Harpa (PP) reforçou, no Grande Expediente, o pedido. “É inadmissível que, num concurso de fotografias, se coloque uma opção sexual como prioridade. Isso é uma política de incentivo ao homossexualismo, algo que a ‘bancada evangélica’, que defende a família, jamais pode concordar”, avaliou. A posição dele recebeu apoio de Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB) e Delegado Erick Lessa (PP). “Quando o Governo apresenta uma proposta dessa natureza, ele divide a sociedade ao invés de unir. Precisamos ter equilíbrio e temperança neste momento”, considerou Lessa.

Por outro lado, o concurso foi defendido por cinco parlamentares. “A comunidade LGBT é a que mais sofre com preconceito, sendo vítima de espancamentos e assassinatos apenas por serem o que são. Uma compreensão mais cristã do ser humano, que apoie políticas públicas inclusivas, precisa de nosso apoio”, observou João Paulo (PCdoB). Para a Delegada Gleide Ângelo (PSB), “com certeza, a intenção da Secretaria da Mulher com esse certame foi incluir grupos de mulheres historicamente excluídas da sociedade”. “Eu, como mulher, não me senti discriminada em nenhum momento”, observou.

SDS e Sindicato dos Bancários reúnem-se para tratar de parceria no combate a roubos a bancos


Com o objetivo de ampliar as contribuições para a Força-Tarefa Bancos (FT Bancos), a Secretaria de Defesa Social de Pernambuco (SDS) reuniu-se nesta terça-feira (23/04) com representantes do Sindicato dos Bancários de Pernambuco. E reunião foi coordenada pelo secretário executivo de Defesa Social, Humberto Freire, que também preside a FT Bancos. Em pauta, a cooperação entre as instituições no compartilhamento de informações que subsidiem ações de prevenção e repressão aos crimes cometidos contra instituições bancárias e financeiras.

Estabeleceu-se que tanto a SDS quanto o sindicato fornecerão dados relevantes que possam auxiliar no combate a essas modalidades criminosas contra bancos, carros-fortes e caixas eletrônicos. “Sempre estamos buscando não só a interlocução com os órgãos de segurança, mas também com os entes bancários, e agora com o sindicato, na busca por melhorias na prestação de serviço de segurança pública. O trabalho tem dado certo, tanto que mapeamos durante 2018 expressivas quedas nas ocorrências dessa natureza, e agora nos três primeiros meses de 2019 também”, salientou Humberto Freire.

No primeiro trimestre deste ano, a retração desse tipo de crime alcançou 53% em comparação com o período correspondente em 2018, passando de 19 para 9 investidas. Entre janeiro e março deste ano, aconteceram dois furtos e um roubo a banco, três roubos a carro-forte e três furtos de caixas eletrônicos.

O secretário executivo destacou, ainda, que o desafio de continuar reduzindo os crimes dessa natureza é de interesse de toda a sociedade, sendo tratado com total transparência. “Precisávamos dar esse passo adiante de conversar, conhecer os números do sindicato e expor os nossos. Ficou bem claro que apenas há uma questão de diferença de metodologia entre o que o sindicato computa e o que nossas ocorrências atendem de acordo com os parâmetros oficiais e legais. Mas já pactuamos que, ao final de cada mês, enviaremos as estatísticas oficiais ao sindicato e eles em contrapartida vão nos alimentar com informações, continuaremos nos reunindo.”

Para o secretário de Assuntos Jurídicos do Sindicato dos Bancários, José Rufino, a reunião foi satisfatória e demonstra o interesse comum de promover mais segurança para a população. “É a segunda vez que fazemos esse tipo de reunião com a SDS e estamos unificando as informações. Se fizermos uma superposição dos números que a SDS e o sindicato têm em relação a bancos, eles vão ser bem semelhantes. O encontro é muito benéfico porque esse diálogo entre bancos, SDS e trabalhadores busca trazer mais qualidade no serviço que é prestado à população pela SDS”, apontou.

População do agreste e sertão corre risco de ficar sem acesso à justiça.

segunda-feira, 22 de abril de 2019


O Tribunal de Justiça de Pernambuco, através do seu Presidente, Dr Adalberto de Oliveira Melo, analisa reduzir o número de Comarcas (ou representações) do Poder Judiciário no interior do Estado, visando a implementação de políticas de gestão judiciária direcionadas pelo Conselho Nacional de Justiça-CNJ. O possível fechamento da Comarca de Vertentes,  no agreste pernambucano, que possui mais de 130 anos de instalação, bem como, da Comarca de Jataúba, no sertão, seria motivado pela limitação orçamentária do poder e a readequação dos quadros de servidores e de demandas para comarcas maiores (comarcas de segunda entrância). A manutenção das Comarcas e Termos Judiciários do interior são fundamentais para à garantia dos direitos sociais, afirmam os especialistas do mundo jurídico.

Várias Lideranças são contra a justificativa apresentada para o fechamento ,entre eles o Presidente da OAB de Surubim, Dr Fredson Rodrigues, por entender que a tentativa de acabar com as Comarcas reduz o acesso à Justiça e atinge as camadas mais indigentes da população. O Presidente destaca ainda que outras comarcas já passam por sérias dificuldades com a falta de servidores, juízes e a precariedade dos fóruns e dos serviços judiciais básicos, expondo a fragilidade de um sistema judicial economicamente caro e ineficiente na prestação da justiça. Dr Fredson também afirma que é difícil entender as razões do TJPE em tentar reduzir ainda mais o acesso ao judiciário: 

“O acesso à Justiça é um direito essencial da população, sobretudo a mais carente. Ao nosso ver, o ideal é que o poder Judiciário seja fortalecido nas comarcas do interior. Em que pese a necessidade de contingenciamento dos recursos, é de causar estranheza, por exemplo, o Tribunal querer pagar uma verba indenizatória de auxílio alimentação aos magistrados pernambucanos e, injustificadamente, querer fechar comarcas no interior do Estado. Uma comarca nunca será um comércio, uma farmácia ,ou seja não tem finalidade lucrativa. A medida vai prejudicar os mais pobres, os mais vulneráveis que necessitam da efetiva presença do poder Judiciário. Quem sofre os efeitos da morosidade e descaso são os mais pobres”, afirmou.

Deputado Ossesio se reúne com vereador André Maio em Serra Talhada


De passagem pelo município de Serra Talhada, localizado no Sertão do estado de Pernambuco, o Deputado Ossesio Silva (PRB-PE), se reuniu no feriado de Semana Santa, com o Presidente Municipal do PRB, vereador André Maio.

Os parlamentares conversaram sobre as Eleições de 2020, o cenário político, novos projetos e ações para serem desenvolvidos na cidade de Serra Talhada e toda a região do Sertão pernambucano.

Ossesio ressaltou a importância do fortalecimento dos municípios sertanejos. “Vamos através dessa parceria com o vereador André Maio, lutar por melhorias para o povo do Sertão”, frisou.

Durante a reunião, o Deputado destacou o compromisso que tem com o Sertão do estado. “Sempre lutarei pelos que mais precisam, e nosso mandato está à disposição dos cidadãos sertanejos, reivindicando do Governo, ações, programas e projetos para a região”, externou.

O presidente Municipal do PRB aproveitou o encontro para reforçar a união dos republicanos. “Vamos colaborar para o Deputado Ossesio desenvolver ainda mais os trabalhos em prol dos pernambucanos de todas as regiões, venho buscar os melhores meios para ajudar o povo de Serra Talhada e de todo o Sertão”, destacou.

Parlamentares lançam frente em defesa do Nordeste


Será lançada nesta terça-feira (23), às 14h30, a Frente Parlamentar em Defesa do Nordeste. O novo grupo deve ser coordenado pelo deputado Danilo Cabral (PSB-PE). Frente parlamentar é uma associação de deputados de vários partidos para debater um assunto determinado. Para ser criada, a frente deve registrar um requerimento com o apoio de pelo menos 1/3 de membros do Poder Legislativo.  A solenidade de lançamento será realizada no auditório Freitas Nobre.

Agricultores e agricultoras familiares de Pesqueira são contemplados com ações da Secretaria de Desenvolvimento Agrário


Boa notícia para os agricultores e agricultoras familiares do município de Pesqueira, no Agreste Central do Estado. Na última semana, a Secretaria de Desenvolvimento Agrário (SDA) realizou entregas para o fortalecimento do setor naquela região, disponibilizando 50 mil alevinos, 100 caixas de isopor e 10 mil raquetes de palma. Também foi anunciada a distribuição de 4 mil quilos de sementes, que estão armazenadas na gerência regional do Instituto Agronômico de Pernambuco (IPA).

 As entregas ocorreram durante reunião do Conselho de Desenvolvimento Rural Sustentável, realizada na sede do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Pesqueira, na presença de agricultores e autoridades municipais. Representando a pasta, o secretário executivo de Agricultura Familiar da SDA, Gleybson Neves, destacou o foco da Secretaria no apoio à agricultura familiar. “Desde que assumimos a Secretaria Executiva, temos nos dedicado, junto com o secretário Dilson Peixoto e com toda a equipe da Secretaria e das vinculadas, a fazer chegar as ações do Governo do Estado à população que mais precisa, com um olhar especialmente voltado aos agricultores e agricultoras familiares”, reforçou Gleybson Neves.

 Pesqueira é um dos municípios que compõem a bacia leiteira do Estado e conta com a força do trabalho de cerca de 20 mil trabalhadores e trabalhadoras rurais, que contribuem para levar alimentos à mesa da população, sobretudo milho, feijão e mandioca.

 Os alevinos, das espécies tambaqui e tilápia, irão povoar os açudes e barragens do município e poderão ser comercializados, em média, após um período de seis meses, com preços que variam de R$ 8 a R$ 12 o quilo, a depender da espécie e do peso.  “Essa é uma iniciativa importante da Secretaria e chega em boa hora, com o povoamento dos mananciais enquanto estão cheios, por causa das chuvas. Nosso objetivo é entregar aproximadamente 3 milhões de alevinos em todo o Estado” assegurou o secretário executivo.

 Também estiveram presentes no evento o deputado Doriel Barros e demais integrantes da Secretaria e vinculadas, como o gerente de Desenvolvimento Territorial da SDA, Luiz Camilo de Melo; o gerente de Reordenamento Agrário do Iterpe, Felipe Falcão; e a gerente de Crédito Fundiário do Iterpe, Alcineide Oliveira, ambos representando o presidente da Instituição, Altair Correia; o secretário executivo do Conselho de Desenvolvimento Rural Sustentável, Ivaldo Ferreira; o chefe da Unidade de Pesca da SDA, Roberto Maurício; o técnico do IPA de Pesqueira, Walmir Tenório; a presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais do município, Marilene Valença; o secretário de agricultura municipal, Hamilton Didier; o coordenador do Conselho de Desenvolvimento Rural Sustentável de Pesqueira, Cosmo Fernandes; e o  representante da Cáritas, Itamar Carvalho.

Prefeitos podem ter mandatos estendidos por mais dois anos


Uma Proposta de Emenda à Constituição (PEC) pode prorrogar os mandatos dos atuais prefeitos e vereadores de todo o país por mais dois anos coincidindo com a as eleições de 2022.

 A proposta foi apresentada pelo deputado federal Rogério Peninha (MDB-PR) durante a XXII Marcha em Brasilia em Defesa dos Municípios, que ocorreu entre os dias 8 e 11/04 promovida pela Confederação Nacional dos Municípios - CNM. O deputado paranaense já protocolou sua proposta na Câmara Federal no último dia 12/04 recebendo o número PEC-49/2019.

 Peninha alega em sua justificativa que a unificação dos mandatos político-partidários vai ao encontro do interesse público e menciona algumas vantagens caso a proposta seja acatada pelo Congresso Federal. Salienta que haverá uma economia significativa de recursos públicos, na medida em que serão eliminados os gastos relativos aos processos eleitorais municipais realizados de forma isolada.

 O parlamentar continua com  sua justificativa, que  o impacto positivo será experimentado a curto prazo, pois o pleito de 2020 já não mais ocorrerá. Os valores poderão ser utilizados em serviços essenciais à população, tais como ensino, saúde e segurança pública.

 O deputado conclui sua justificativa “é preciso considerar o momento delicado que o País atravessa. Com a supressão do pleito eleitoral de 2020, a classe política, livre dos encargos inerentes às campanhas eleitorais, poderá concentrar-se nas reformas de que a República tanto precisa”.

 Para ser validada uma PEC passa por um rito especial no Congresso Nacional e necessita de aprovações tanto dos deputados como dos senadores. Pelo que ocorreu na apresentação da proposta durante a XXII Marcha em Brasília, quando o deputado Peninha foi muito ovacionado pelos participantes fica claro que a matéria terá o apoio dos prefeitos, vereadores e entidades que representam essas categorias.

Fiéis encenam Paixão de Cristo em Surubim, Santa Maria Cambucá, Bom Jardim e Limoeiro.

domingo, 21 de abril de 2019




As cenas de Jesus sendo crucificado retratadas de perto, é o que mais comove os fiéis, que acompanham a Semana Santa é o sofrimento de jesus e sua ressurreição . Cada momento, desde a última ceia com os discípulos e seus ensinamentos, é retratado pela Via Sacra. 

Não apenas em Nova Jerusalém os espetáculos ganham grande notoriedade em público, assim o espetáculo da Paixão de Cristo está sendo realizada em várias cidades do agreste. A peça já se tornou tradição para os cristãos dos municípios interiores , que prestigiam e lembram do calvário de Jesus .

Os atores que participam da peça fazem parte da Pastoral da Juventude, em parceria com paróquias da localidade, e se preparam durante quatro meses. Conforme os organizadores a agenda de ensaios foi bem intensa para conseguir passar o melhor para as pessoas que vão assistir. 


                               

               

                   

Apac emite alerta de chuvas fortes em Pernambuco

sábado, 20 de abril de 2019



A Agência Pernambucana de Águas e Clima (Apac) emitiu um alerta, na tarde deste sábado (20), afirmando que nas próximas horas pode continuar chovendo forte no Estado.  A previsão de precipitações abrange cidades da Região Metropolitana do Recife, do Agreste e da Zona da Mata Norte e SuDesde o início da manhã o tempo segue nublado. De acordo com informações da Apac, os bairros que mais choveram nas últimas doze horas estão localizados nas cidades de São José da Coroa Grande, Camaragibe, Rio Formoso, Itambé e Goiana.

Moradores de áreas de risco precisam estar atentos. A previsão é de chuvas com intensidade moderada a forte. No Recife, a prefeitura informou que a Defesa Civil mantém um plantão permanente para o atendimento da população, podendo ser acionada através do 0800 081 3400.

Juntas criticam dificuldade de jovem baleado por policial para realizar cirurgia ocular

sexta-feira, 19 de abril de 2019


A deputada Jô Cavalcanti, do mandato coletivo Juntas (PSOL), criticou a não realização de cirurgia para colocação de prótese ocular em um jovem de 18 anos, baleado por um policial militar, em janeiro, durante encontro de dança na rua, no Recife. Em pronunciamento no Grande Expediente desta quarta (17), a parlamentar explicou que a Fundação Altino Ventura – instituição filantrópica que atua na área de oftalmologia – teria se recusado a realizar o procedimento no rapaz em virtude da suspensão de repasses de recursos públicos estaduais.

Segundo a psolista, há um ano, o Governo do Estado não executa transferências de verbas para a entidade. “O total que deixou de ser repassado pelo Poder Executivo para a Fundação Altino Ventura chega a R$ 2 milhões. Enquanto isso, a família do jovem, que não tem condições de pagar pela cirurgia no valor de R$ 1 mil, aguarda por uma definição dessa situação”, lamentou Jô Cavalcanti.

Ainda durante o discurso, a parlamentar se queixou de abordagens feitas por servidores da Assembleia Legislativa a assessores das Juntas. De acordo com ela, uma das funcionárias do gabinete teria sido “barrada” na entrada de um dos plenarinhos por policial lotado na Casa. “Classifico como uma atitude discriminatória. A mandata é majoritariamente composta por pessoas de periferia, negras”, observou, sugerindo, ainda, “a realização de uma formação para os servidores”.

Nos apartes, o deputado Joel da Harpa (PP) resgatou o assunto da ação policial em que um jovem foi baleado no olho. Para ele, é preciso cautela ao avaliar a atuação dos PMs, “que muitas vezes também são vítimas”. “Sobre o tratamento aqui na Alepe, sou negro e nunca tive dificuldade.” “Recebo em meu gabinete diversas pessoas da periferia e nunca escutei nenhum relato de discriminação”, complementou o deputado Marco Aurélio Meu Amigo (PRTB).

A deputada Clarissa Tércio (PSC) disse que “revistas são procedimentos normais em órgãos públicos”. “Somos todos iguais. Existem regras a serem cumpridas nas casas legislativas”, ressaltou o deputado Pastor Cleiton Collins (PP). “Estou na Assembleia há 32 anos e nunca ouvi desrespeito de policial aqui”, relatou o deputado Romário Dias (PSD).

Em resposta, o presidente do Poder Legislativo, deputado Eriberto Medeiros (PP), esclareceu que havia sido procurado pelas Juntas e dado encaminhamento para resolver a questão. “Quando tomei conhecimento do episódio, de imediato, procurei o superintendente Militar e de Segurança Legislativa para que apurasse o caso. Esse é um assunto meramente administrativo que, na minha visão, não precisaria ter sido levado à tribuna ”, frisou.

Gravatá: Prefeitura, PM, Bombeiros e Conselho Tutelar se comprometem com segurança e ordenamento da Semana Santa e do São João


Para garantir a segurança e o ordenamento das comemorações da Semana Santa e do São João em Gravatá, o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) formulou um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) e obteve o comprometimento da Prefeitura, da Polícia Militar, do Corpo de Bombeiros e do Conselho Tutelar para que medidas de policiamento, fiscalização e controle sejam tomadas para as rondas e organização do local denominado Pátio de Eventos, localizado à Av. Joaquim Didier, no centro da cidade, onde ocorrem as festividades.

“São eventos de grandes dimensões tanto culturais quanto artísticas, gerando a preocupação com a segurança pública e o meio ambiente”, justificou a promotora de Justiça Fernanda Henriques da Nóbrega. “Em todos os polos de animação são encontradas várias crianças e adolescentes, muitas vezes desacompanhados dos pais ou responsáveis, por razões diversas, principalmente, por se tratar de grandes eventos do município e da região nesta época do ano”, lembrou ela.

O MPPE apurou que já ocorreram situações de risco, em face da falta de controle em relação ao horário de encerramento dos shows. O descontrole proporcionou o acúmulo de pessoas até avançada hora dos dias seguintes, ocasionando, dentre outras coisas, o acréscimo de ocorrências delituosas e um natural desgaste do efetivo policial, em face de ter que permanecer na rua além da jornada prevista.

“Em eventos desta natureza, também é comum a prática de excessos decorrentes do consumo de bebidas alcoólicas, assim como atos de violência, envolvendo, muitas vezes, crianças e adolescentes”, comentou a promotora de Justiça.

Assim, a Prefeitura de Gravatá e a PM se comprometeram a adotar as providências para que o encerramento e desligamento de todo tipo de aparelho que emita som se dê às 2h. As apresentações podem se estender excepcionalmente até as 2h30, por motivos de força maior, no palco principal e outros focos de animação porventura existentes.

Também é necessário ordenar a distribuição dos vendedores ambulantes, carroças de churrasquinhos e similares para que estes comercializem apenas nos locais previamente estabelecidos pela organização do evento, de modo a evitar acidentes,facilitar a fiscalização e coibindo qualquer infração mediante o apoio da Polícia Militar. O uso de copos descartáveis e a proibição de vasilhames de vidro, bem como que a coibição à venda bebidas alcoólicas a menores de 18 anos, deve ser outra preocupação presente.

O Corpo de Bombeiros se comprometeu a disponibilizar duas plataformas elevadas de observação e realizar prevenção contra incêndios na praça de eventos.

Em caso de descumprimento das obrigações implicará pagamento de multa de R$ 5.000,00 por item descumprido, sem prejuízo das sanções administrativas e penais cabíveis. Os valores serão revertidos ao Fundo Municipal da Criança e do Adolescente.

Festa no Hotel Canarius – A organização do evento Seu Antônio na Serra, marcado para o sábado (20), no Hotel Canarius, em Gravatá, se comprometeu com o MPPE, também através de TAC, a iniciar a festa às 18h e encerrá-la às 4h do domingo (21).

“Trata-se de um evento sonoro, que põe em risco a saúde da população e ameaça gravemente a fauna local, além de causar graves danos ao meio ambiente em geral, tudo com uma intensidade e consequências totalmente ignoradas, exatamente em face da absoluta ausência de um estudo ambiental ou de impacto de vizinhança”, atestou a promotora de Justiça Fernanda Henriques da Nóbrega.

Dessa forma, a empresa Equipe Eventos e Publicidade Ltda, responsável pela festa, adotará medidas para garantir do máximo conforto acústico aos ocupantes de áreas próximas, edificações circunvizinhas e em respeito a fauna local e suas peculiaridades.

Será permitida a entrada de adolescentes somente de 16 anos acima, acompanhados de um adulto/responsável, devidamente identificados. Só o público a partir de 18 anos terá acesso ao open bar, devidamente identificado com pulseiras.

O descumprimento das obrigações sujeitará ao pagamento de multa equivalente a dez salários mínimos por cada item desrespeitado, sem prejuízo das sanções administrativas e penais cabíveis. O valor será revertido ao Fundo Municipal da Criança e do Adolescente.

Policial militar morre vítima de acidente de trânsito na tarde desta sexta Feira na PE-90 Surubim


Um acidente nesta sexta-feira 19/04 ,na comunidade de água de Pote, em frente ao antigo restaurante da comunidade , na PE-90 Surubim, deixou uma vítima fatal. O mesmo foi identificado por José Gomes Barbosa , ( Fred da Furnas ) .Ele era policial militar do estado da Paraíba e trabalhava na cidade de Santa Cecília PB e morava na comunidade de furnas. Conforme populares o mesmo trafegava  em sua  uma moto, quando um veículo colidiu de frente ceifando a vida do policial.

Gustavo Gouveia faz indicação solicitando a construção de gasoduto entre os municípios de Camaragibe e Carpina


O  deputado estadual Gustavo Gouveia (DEM), solicitou a viabilização do “Projeto Camaragibe-Carpina”, de responsabilidade da Companhia Pernambucana de Gás (Copergás), para construção de uma rede de gasoduto com 49 km entre os municípios de Camaragibe, na Região Metropolitana do Recife, e Carpina, na Mata Norte, interligando cinco indústrias e um posto, e impulsionando a instalação de novos empreendimentos na região.


Segundo o parlamentar, o projeto tornará a área mais atrativa com a oferta do gás natural, possibilitando a geração de novos empregos. “Nosso objetivo é interiorizar o desenvolvimento de Pernambuco, despertando o interesse de grandes indústrias. Com a implantação do gasoduto, poderemos oferecer uma matriz energética para os futuros empreendimentos”, explicou.


No Projeto Camaragibe-Carpina cerca de 21 mil metros cúbicos de gás serão deslocados por dia, pela rodovia BR-408, através das cidades de São Lourenço da Mata, Camaragibe, Paudalho e Carpina, que juntas possuem mais de 400 mil habitantes, atendendo fábricas já situadas na região, como a Mauricéa, Alpargatas e Invivo. Além disso, também poderá viabilizar o Distrito Industrial de Paudalho, oferecendo empregos diretos e indiretos aos moradores da localidade.

Deficientes visuais têm áudio descrição na Paixão de Cristo de Nova Jerusalém

quinta-feira, 18 de abril de 2019


A Sociedade Teatral de Fazenda Nova oferece facilidades para os deficientes visuais e auditivos e com dificuldades de locomoção. Como já aconteceu nos anos anteriores, na apresentação desta quarta-feira (17) será oferecido serviço especial de áudio discrição (AD) que permite que deficientes visuais acompanhem a encenação por meio de um fone de ouvido no qual uma pessoa especializada em AD descreve a cena.

 Também nesta quarta-feira, os deficientes auditivos terão o auxilio de tradutores que descreverão as falas dos personagens da peça na Língua Brasileira de Sinais (LIBRAS). Esses serviços são realizados numa parceria com a Secretaria de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude (SDSCJ). Para as pessoas com dificuldades de locomoção, são disponibilizadas 100 cadeiras de rodas que podem ser utilizadas gratuitamente. Nesse caso, o deficiente deve estar acompanhado por uma pessoa que tenha condições de conduzir a cadeira de rodas..

A temporada 2019 da Paixão de Cristo de Nova Jerusalém vai até o próximo sábado, dia 20. Os ingressos podem ser adquiridos em até 12 vezes no cartão por meio do site www.novajerusalem.com.br ou nas bilheterias do teatro. Mais informações no Instagram  @paixaodecristooficial ou www.facebook.com/paixaodecristodenovajerusalem.

João Azevêdo lança concurso público com oferta de mil vagas para o Magistério

quarta-feira, 17 de abril de 2019


O governador João Azevêdo lançou, nesta quarta-feira (17), no Centro de Formação de Educadores, em João Pessoa, o concurso público que oferecerá mil vagas para o magistério e anunciou que o edital deverá ser publicado nos próximos dias no Diário Oficial do Estado. Na ocasião, ele foi presenteado com o livro ‘Articulação Curricular e Projetos Empreendedores: uma prática inovadora na rede pública estadual da Paraíba’, publicado por professores da rede técnica do Estado.

Os deputados estaduais João Gonçalves, Cida Ramos, Wilson Filho e Lindolfo Pires, além de auxiliares do Governo do Estado prestigiaram o evento. 

17_04_19 Lançamento do concurso para professores - Francisco França (5).jpgNa solenidade, o chefe do Executivo estadual reforçou o compromisso de realizar concursos públicos para a Educação ao longo dos quatro anos de governo, com o objetivo de aperfeiçoar o aprendizado por meio da qualificação da mão-de-obra. “Os professores estão entrando pela forma mais correta, que é o concurso público. O processo educacional não é composto apenas pela estrutura física das escolas, que estamos aprimorando com implantação de laboratórios de Informática, Robótica, Química, Matemática e Física e com o programa Bom de Bola, mas também  pelo professor; por isso que autorizamos o reajuste do magistério em janeiro. Nós temos uma boa educação, com uma boa estrutura física, mas, acima de tudo, com compromisso com o educador”, destacou. 

Ele também ressaltou que a capacidade administrativa e fiscal do Estado possibilita o investimento lançado nesta quarta-feira. “Esse é um esforço muito grande e demonstra que estamos no caminho certo. O professor na escola regular irá receber R$ 3.460,00, o da Escola Cidadã receberá R$ 4.460,00; esse é um valor importante em comparação a outros Estados. Nós estamos tratando de futuro e de sonhos de jovens”, enfatizou. 

O secretário de Educação, Aléssio Trindade,  explicou os critérios para a distribuição das vagas que atenderá todas as regiões do Estado. “O ordenamento será feito em função da necessidade de cada escola e da proximidade com os centros formadores porque ajuda na fixação das pessoas na própria região. A inovação deste ano será a abertura de vagas para professores de Espanhol, o que tem tudo a ver com a Paraíba porque o Gira Mundo é um retrato da valorização da língua, pois estamos enviando alunos para a Argentina, Chile, Espanha e Colômbia”, frisou. 

17_04_19 Lançamento do concurso para professores - Francisco França (14).jpgEle também destacou que a gestão estadual tem feito grandes investimentos no ensino público da Paraíba. “A educação é valorizada por meio da infraestrutura, pelos equipamentos, pelo projeto pedagógico de alto nível, com o projeto de vida e com o professor, que é a alma da educação e que entrará na gestão pela porta correta, fazendo com que o investimento seja estrutural e para sempre”, completou. 

A professora de Português da Escola Cidadã Integral Técnica João Roberto Borges de Souza, Pollyanna Freire, concursada há sete anos, agradeceu ao Governo do Estado por valorizar a categoria e permitir a realização de sonhos. “É importante investir no professor. Eu fiz o concurso em 2012 e, ao assumir, pude ter uma outra visão de valorização profissional. Eu trabalhava em escolas particulares antes e sempre havia dúvidas sobre quantidade de turmas e salários e, com o concurso, eu pude ter uma maior estabilidade, tranquilidade e maior tempo de planejamento”, relatou. 

Lançamento do concurso para professores - Francisco França (1).jpgO professor João Wagner já iniciou os estudos para assegurar uma das mil vagas oferecidas no concurso. “Já comprei pacotes de estudos pela Internet, estou muito ansioso para fazer a prova e o momento é de dedicação para conseguir a efetividade no trabalho”, comentou. 

Estudante do 3º ano da Escola Estadual Pedro Lins, Luana Gabrielle, falou da importância do professor concursado na sala de aula. “Com certeza, melhora a qualidade do ensino, principalmente, para quem está prestes a fazer o Enem; esse investimento na área é fundamental e nos dá mais segurança”, O concurso público vai oferecer 72 vagas para Artes; 150 vagas para Biologia; 68 vagas para Educação Física; 6 vagas para Filosofia; 47 vagas para Física; 72 vagas para Geografia; 78 vagas para História; 18 vagas para Língua Espanhola; 61 vagas para Língua Inglesa; 195 vagas para Língua Portuguesa; 199 vagas para Matemática; 28 vagas para Química e 6 vagas para Sociologia.

A banca organizadora do certame será a AOCP e a taxa de inscrição será de R$ 39,00. A organizadora do concurso será  aocp, veja no link todas as informações http://www.institutoaocp.org.br/concursos.jsp

Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página