Poder Legislativo: eleita Mesa Diretora para o biênio 2019-2020

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2019


A Mesa Diretora que comandará os trabalhos legislativos e os serviços administrativos da Assembleia no primeiro biênio da 19ª Legislatura, que se encerra em 31 de janeiro de 2021, foi eleita na noite desta sexta (1º). O deputado Eriberto Medeiros (PP) obteve 42 votos e foi reconduzido ao cargo de presidente da Casa. Já Clodoaldo Magalhães (PSB) foi escolhido primeiro-secretário com o apoio de 35 deputados. A reunião para eleição da Mesa teve 47 votantes.

Candidato único, Medeiros exerce a Presidência da Alepe desde agosto de 2018, quando sucedeu o ex-deputado Guilherme Uchoa, morto em julho. O parlamentar destacou a instalação do canal de TV do Legislativo Estadual como prioridade para o segundo mandato. “Teremos dois anos de muito trabalho, dedicação e novidades. Esperamos implantar a TV Assembleia para que possamos levar ao conhecimento da população pernambucana as atividades da Casa. Assim, ela saberá como estão trabalhando seus representantes”, frisou.

Cabe ao presidente representar o Poder Legislativo, convocar e presidir Reuniões Plenárias, definir a Ordem do Dia, promulgar resoluções e assinar decretos legislativos. E, ainda, substituir o governador em caso de impedimento ou ausência dele e da vice-governadora.

Como primeiro-secretário, Clodoaldo Magalhães será responsável por gerir os serviços administrativos da Assembleia e da Secretaria, ordenando e fiscalizando as despesas, em conjunto com o presidente Eriberto Medeiros. Também vai autorizar a homologação de procedimentos licitatórios, além de assinar convênios e contratos.

Magalhães elencou como prioridades a estruturação da TV Alepe e a aproximação da Casa com a sociedade. “A Casa de Joaquim Nabuco já vem avançando muito. Não existem parlamentos perfeitos, pois não temos sociedades perfeitas. Mas vamos melhorar cada vez mais a representação, honrando o voto dos pernambucanos.”  Também concorrendo ao cargo, Isaltino Nascimento (PSB) obteve 11 votos.

Para o cargo de primeiro vice-presidente, foi eleita a deputada Simone Santana (PSB). Ela recebeu 25 votos contra 22 de Aglailson Victor (PSB). Em pronunciamento, mencionou as ações que desenvolveu à frente da Comissão de Defesa dos Direitos da Mulher, em prol da igualdade de gênero. Registrou ainda que, pela primeira vez em 183 anos de Assembleia, uma mulher poderia ser a primeira vice-presidente do Legislativo de Pernambuco, num momento em que o Estado tem a presença feminina de Luciana Santos como vice-governadora.

“Somos apenas dez mulheres na Alepe, mas representamos o anseio de uma sociedade mais igualitária, equânime e justa”, salientou. “Trago a experiência dos quatro anos de mandato, de muito aprendizado com os colegas e a população em geral. Precisamos reduzir as distâncias entre as decisões políticas e o dia a dia dos cidadãos e cidadãs”, emendou.

A Segunda Vice-Presidência ficou com Guilherme Uchoa (PSC), que obteve 25 votos, ante 11 de Alberto Feitosa (SD) e nove de Romário Dias (PSD). Filho do ex-presidente Guilherme Uchoa, ele ressaltou a indicação para o cargo pela bancada do PSC, que conta com cinco deputados, e evocou o critério da proporcionalidade. “Estou à disposição da Casa com a minha experiência e a forma conciliadora de agir. Quero estar na Mesa Diretora para poder ajudar nos destinos desta Casa”, assinalou.

O segundo-secretário será Claudiano Martins Filho (PP). Ele recebeu 39 votos. Durante as Reuniões Plenárias, o parlamentar terá atribuições como verificar o número de parlamentares, fiscalizar chamadas nominais e proceder à leitura das atas.

A Terceira Secretaria que, entre outras atribuições, auxilia o presidente nas ações de segurança interna, ficará a cargo de Teresa Leitão (PT), que obteve 47 votos. E o quarto-secretário, que assessora o primeiro nas ações relacionadas à Gerência de Transportes e o presidente na recepção de autoridades, será Álvaro Porto (PTB). Ele recebeu 45 votos.

Já os suplentes serão sete parlamentares: Pastor Cleiton Collins (PP) (1º), Henrique Queiroz Filho (PR) (2º), Manoel Ferreira (PSC) (3º), Romero (PP) (4º), Joel da Harpa (PP) (5º), Gustavo Gouveia (DEM) (6º) e Adalto Santos (PSB) (7º). A eles caberá auxiliar o primeiro-secretário e substituir os vice-presidentes e os secretários, quando ausentes ou em seus impedimentos.

A eleição foi presidida por Antônio Moraes (PP). Apenas Diogo Moraes (PSB) e Dulcicleide Amorim (PT) não estiveram presentes.
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página