Comissão de Agricultura premia melhores queijos artesanais de Pernambuco

segunda-feira, 12 de novembro de 2018


A segunda edição do Concurso Regional de Queijos Artesanais de Pernambuco, promovido pela Comissão de Agricultura da Alepe, premiou os melhores produtores do laticínio nesta quinta (8). O evento aconteceu no espaço Leilão da Sociedade Nordestina dos Criadores, durante a 77ª Exposição Nordestina de Animais e Produtos Derivados, no Parque de Exposições do Cordeiro, no Recife.

De acordo com o presidente do colegiado, deputado Claudiano Martins Filho (PP), a iniciativa tem o objetivo de melhorar a qualidade dos queijos artesanais e incentivar os produtores rurais a abrir mais queijarias para fortalecer a economia do Agreste e do Sertão de Pernambuco. “Queremos estimular os produtores e queijeiros a melhorar a qualidade dos queijos, tanto para o consumidor quanto para obter maior destaque em todo o Brasil”, defendeu.Neste ano, participaram do concurso 23 produtores de queijos artesanais, que concorreram nas categorias “queijo de coalho” e “queijo de manteiga”. Uma comissão julgadora formada por chefes de cozinha, professores de gastronomia, jornalistas e outros especialistas avaliaram, nessa quarta (7), atributos como aparência, consistência e sabor.

Em cada um dos grupos foram premiadas três marcas. A Leite Nobre, do município de Venturosa, no Agreste Meridional, levou o prêmio de melhor queijo de coalho pelo segundo ano consecutivo. Para o representante da marca, Romildo Albuquerque, o concurso é um incentivo a todos os produtores. “A gente vem procurando, há algum tempo, melhorar cada vez mais a qualidade, com o apoio de vários órgãos, como o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), o Instituto de Tecnologia de Pernambuco (Itep), e agora a Assembleia,”, destacou. “Isso nos motiva a fabricar um queijo cada vez melhor e com mais responsabilidade, porque, afinal de contas, a gente produz alimento.”

As marcas Queijo Nobre e Queijo Rio Branco foram a segunda e a terceira colocadas, respectivamente, na mesma categoria. Já entre os fabricantes de queijo de manteiga, venceu a marca Produtores Venturosa, seguida da Laticínios Luiza e da Valelac.

O presidente da Alepe, deputado Eriberto Medeiros (PP), que compareceu à abertura do concurso e à entrega dos prêmios, parabenizou os participantes e a organização do evento. Ele ressaltou o trabalho da Comissão de Agricultura no incentivo aos produtores artesanais. “Seja na proposição de leis ou na análise de propostas que venham beneficiar, aperfeiçoar, qualificar e buscar a melhor forma de trabalho para os queijeiros e também para beneficiar a população, que recebe esse produto de grande qualidade.”

O secretário estadual de Agricultura e Reforma Agrária, Wellington Batista, salientou a necessidade de dar mais visibilidade ao queijo pernambucano e de diversificar a produção. Ele também parabenizou a Alepe pela criação do concurso: “Que isso venha fortalecer, divulgar e mostrar a qualidade do queijo que é fabricado em Pernambuco e está conquistando mercados com ações como essa”.

Também participaram do evento os deputados Nilton Mota (PSB), Odacy Amorim (PT), Pastor Cleiton Collins (PP) e Rodrigo Novaes (PSD). O estande da Alepe na Exposição de Animais oferece, desde a última segunda (5), uma série de capacitações na área de zootecnia dirigidas a estudantes e criadores. As palestras seguem até esta sexta (9).
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página