Cine Sesi desembarca em Itambé e Floresta neste final de semana trazendo lançamentos

quinta-feira, 29 de novembro de 2018


De 30.11 a 02 de dezembro, Itambé e Floresta vão receber o Cine Sesi, um projeto que leva cinema de qualidade, pipoca e filmes premiados de graça para cidades, onde a sétima arte não chegou ou tenham cinemas desativados. As apresentações iniciam às 18h30. Em Floresta vai ser ao lado da Igreja de Nossa Senhora do Rosário, e em Itambé vai ser na Praça da Biblioteca. Nas duas cidades será montada uma grande estrutura com cadeiras, tapete vermelho, exibição de filmes nacionais com grande sistema de sonorização e projeto Full HD. Em Machados será a primeira vez que a Caravana da sétima arte desembarca. Nesta edição a iniciativa já passou por 22 municípios e já foi visto por mais de 87 mil pessoas.

 “A nossa proposta é que a população se encontre em nome da cultura. E, com isso, desperte um olhar mais crítico tanto para a religião, política e outros assuntos que rondam seu cotidiano. Esse é o papel da cultura. O cinema tem esse poder de ajudar a mente a ficar mais perspicaz e criativa, independente de classe social ou profissão. Isso afeta diretamente na qualidade de vida do cidadão”, avalia Lina Rosa curadora do projeto.

 Segundo o Superintendente do SESI-PE, Nilo Simões, o Cine Sesi além de proporcionar cultura para o trabalhador da indústria, acaba por beneficiar toda a população dos municípios contemplados no projeto, já que as exibições acontecem sempre em praça pública e em locais de grande fluxo de pessoas. “É uma oportunidade de levar cinema de qualidade a todos”, ressalta.

 Este ano, estão em cartaz os seguintes filmes: curtas “Plantae”, uma animação de Guilherme Gehr; “Próxima”, de Luiza Campos; e “Médico de Monstros”, de Gustavo Teixeira. Já os longas, são: “Viva: A Vida é uma Festa”, de Lee Unkrich; “O Filho Eterno”, de Paulo Machline; e a animação “O Touro Ferdinando”, de Carlos Saldanha.

 “Viva: A vida é uma festa” relata a historia de Miguel um menino de 12 anos que quer muito ser um músico famoso, mas ele precisa lidar com sua família que desaprova seu sonho. Determinado a virar o jogo, ele acaba desencadeando uma série de eventos ligados a um mistério de 100 anos. A aventura, com inspiração no feriado mexicano do Dia dos Mortos, acaba gerando uma extraordinária reunião familiar.

 Outro destaque é o “Touro Ferdinando”. Grande e forte, mas de temperamento doce, Ferdinando é escolhido por engano para as touradas. Sua verdadeira luta é provar que não se deve julgar ninguém pela aparência. Direção do brasileiro Carlos Saldanha.
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página