Compesa realiza ação de reflorestamento na Barragem do Cajueiro, em Garanhuns

segunda-feira, 1 de outubro de 2018


A Barragem do Cajueiro, o maior reservatório que atende a cidade de Garanhuns, no Agreste Meridional, recebeu uma importante ação da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), ontem (29/09). Um grupo de 50 jovens escoteiros, do 97º Grupo Escoteiro Governador Eduardo Campos, plantaram 500 mudas de árvores nativas na Área de Preservação Permanente (APP) da barragem.

 O objetivo da Compesa com a ação às margens do reservatório foi o de promover uma atividade prática para os escoteiros sobre a importância da preservação da vegetação local, das matas ciliares, permitindo assim, a proteção das nascentes. Segundo a engenheira Florestal da Compesa, Ana Luz, iniciativas como essa trazem inúmeros benefícios para o meio ambiente em curto e longo prazo. “As matas ciliares auxiliam na preservação dos recursos hídricos, evitando o assoreamento dos corpos d'água, protegem o solo e garantem a defesa da biodiversidade", explica a engenheira.

Durante o mês de setembro, outras ações foram realizadas pela Compesa para engajar a população na preservação ambiental e disseminar o conceito de sustentabilidade para diversos públicos no Estado. Foram promovidos um encontro com estudantes, para discutir a importância das árvores e de todos os componentes dos ecossistemas, e visitas técnicas à Estação de Tratamento de Água (ETA) de Gurjaú e à sede da Unidade de Conservação Matas do Sistema Gurjaú,em conjunto com Agência Estadual de Meio Ambiente (CPRH). Além disso, o Projeto Semeando Cidadania, eixo de atuação do Programa Florestar, tem formado adolescentes da Fundação de Atendimento Socioeducativo (Funase) de Vitória de Santo Antão em viveiristas florestais, integrando a convivência com a natureza como processo de ressocialização.
Últimas Postagens

Visualizações de página

Facebook