Após denúncia de fraude, Priscila Krause quer mudança do fornecedor de merenda da PCR

quarta-feira, 24 de outubro de 2018


Deflagrada há duas semanas, a Operação Castelo de Farinha, da Polícia Civil, mereceu comentários da deputada Priscila Krause (DEM), durante a Reunião Plenária desta segunda (22). A ação apura suspeitas de fraude em contratos de merenda escolar em municípios do Estado. A parlamentar reiterou o pedido à Prefeitura do Recife para que substitua, por meio de licitação, a atual fornecedora de alimentos às escolas da Capital, alvo da operação.

A democrata já havia tratado do tema em junho, quando uma investigação no Tribunal de Contas do Estado (TCE) constatou irregularidades na contratação da merenda no Recife, de responsabilidade da mesma empresa que agora está envolvida na Castelo de Farinha. Priscila Krause também estendeu o pedido ao Governo do Estado, que igualmente mantém contratos com a fornecedora. “São muitos os indícios. Esse processo está envolto em muita fumaça”, afirmou.

“Queria reforçar o apelo que já fiz antes. A Prefeitura do Recife não pode permanecer sofrendo questionamentos”, disse. “As informações levadas ao Tribunal de Contas são muito densas e graves, apontando para conluios, e exigem medidas administrativas firmes”, continuou. “O estudante e o contribuinte não podem ser penalizados por essa situação, por maus serviços e por preços injustos a serem pagos pela administração.”
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página