Vigilante é preso por estuprar e engravidar enteada de 13 anos

terça-feira, 20 de março de 2018


Um vigilante de 41 anos foi preso preventivamente por estupro de vulnerável. A vítima é enteada do criminoso e ficou grávida aos 13 anos. A Polícia Civil de Pernambuco comprovou o estupro através de exame de DNA que atestou a paternidade do estuprador, que foi levado para o Centro de Observação e Triagem Professor Everardo Luna (Cotel), em Abreu e Lima, na Região Metropolitana do Recife (RMR), e pode pegar de oito a 15 anos de prisão, de acordo com o artigo 217-A do Código Penal.

Segundo o delegado Darlson Macedo, gestor da Delegacia de Polícia da Criança e do Adolescente (DPCA), o padrasto abusava sexualmente da menina desde os 12 anos e acontecia na própria casa, no município de Paulista, na Região Metropolitana do Recife (RMR). "Quando a mãe saía, ele se usava da sua força física e ameaças para estuprar a menina", detalhou.

Fonte >Folhape
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página