Prefeitura de Vertente do Lério - PE abre Processo Seletivo com 26 vagas

terça-feira, 30 de janeiro de 2018


A Prefeitura Municipal de Vertente do Lério - PE realiza Processo Seletivo, que objetiva a contratação de pessoal por tempo determinado.

Estão disponíveis oportunidades nos cargos de Auxiliar de Farmácia - PSF (3); Educador Físico - NASF (1); Educador Físico/ Academia da Saúde (1); Enfermeiro - PSF (4); Fisioterapeuta - NASF (1); Médico Clínico Geral - PSF (3); Nutricionista - NASF (1); Odontólogo - PSF (2); Psicólogo - NASF (1); Técnico de Enfermagem - PSF (3); Fonoaudiólogo (1); Farmacêutica (1); Motorista - Ambulância (2); Cozinheiro Hospitalar (2).

O candidato selecionado, que deve cumprir o requisito de ser Alfabetizado a ter Curso Superior completo na área de atuação, terá jornada de trabalho de 30h ou 40h semanais, recebendo remuneração entre R$ 954,00 e R$ 8.340,00.

Interessados podem se inscrever, até hoje, 30 de janeiro de 2018, pessoalmente, no prédio ao lado da Prefeitura Municipal de Vertente do Lério, localizada na Rua Clovis José de Lima, Centro, das 8h às 13h, ou via postal, mediante o preenchimento do formulário de inscrição disponibilizado no Edital disponível em nosso site.

Este Processo Seletivo compreenderá Avaliação Curricular e Entrevista. A Entrevista tem realização prevista para o dia 6 de fevereiro de 2018, das 8h às 16h, no prédio ao lado da Prefeitura na rua Clóvis José de Lima, por ordem de chegada.

Contados a partir da homologação, este Processo Seletivo terá validade de doze meses, podendo ser prorrogada por igual período.

Para obter mais informações, consulte o documento oficial clicando no link

PSB prepara ofensiva para viabilizar Joaquim Barbosa à Presidência da República

segunda-feira, 29 de janeiro de 2018


A ala do PSB contrária à aliança com o governador Geraldo Alckmin (PSDB) deu início a ofensiva para viabilizar a filiação e candidatura do ex-ministro Joaquim Barbosa pelo partido nas eleições presidenciais deste ano. Capitaneado pelo líder da legenda na Câmara, deputado Júlio Delgado (MG), o grupo prepara uma série de manifestos e notas de diretórios estaduais e da bancada no Congresso Nacional em apoio à candidatura do ex-ministro.

O movimento da ala pró-Barbosa busca se contrapor à articulação liderada pelo vice-governador paulista Márcio França. De olho no apoio dos tucanos a sua candidatura ao governo de São Paulo neste ano, França articula aliança do PSB com Alckmin na eleição presidencial. A movimentação do vice-governador tem incomodado Barbosa, que disse a integrantes da cúpula do PSB que só aceita ser candidato a presidente se tiver amplo apoio na legenda.

O primeiro manifesto em apoio ao ex-ministro foi lançado na semana passada pelo diretório do PSB mineiro. "A Executiva Estadual do PSB de Minas Gerais reconhece que a filiação de Joaquim Barbosa reforça os quadros do campo progressista. É homem público, capacitado, competente e dará grandes contribuições para as discussões temáticas nacionais", diz a nota, aprovada na última terça-feira (23).

Fonte : MSN

Armando participa da procissão de São Sebastião, em Machados


O senador Armando Monteiro (PTB-PE) prestigiou, nesse domingo (28), a procissão de São Sebastião, no município de Machados, no Agreste pernambucano. Um dia após participar em Petrolina, no Sertão, do segundo ato do “Pernambuco Quer Mudar”, o petebista acompanhou o cortejo religioso em homenagem ao padroeiro da cidade ao lado da população e de lideranças como os ex-prefeitos Manoel Plácido e Cido (PTB), e do presidente estadual do PTB e deputado, José Humberto Cavalcanti. A festa completa o centenário neste ano e levou uma multidão às ruas, num gesto de devoção e espiritualidade.

Para Armando, a festa de São Sebastião é um momento de comunhão e de renovação da fé. “É motivo de muita felicidade visitar Machados, sobretudo num momento em que a população comemora o centenário do padroeiro, o São Sebastião. Vim compartilhar e participar desse momento de elevação e de comunhão em que a cidade toda se reverencia ao seu padroeiro”, destacou o petebista. O senador aproveitou a visita para destacar a força e combatividade do ex-prefeito Cido no município.

Durante a procissão, em conversas com os moradores, Armando pregou que os pernambucanos devem pedir em suas orações mais paz e tranquilidade para o Estado, sobretudo diante dos graves índices de violência, como registrados em 2017, com mais de 5,4 mil homicídios.

“Os pernambucanos precisam orar e pedir que o Estado tenha mais paz, tranquilidade e esperança para a população. Pernambuco vive um tempo de falta de esperança em função do quadro de violência que se estabeleceu no Estado e também de desemprego. É momento de pedir a Deus que olhe para Pernambuco”, afirmou Armando Monteiro.

Seleção de estágio do Sesc oferece vagas para Surubim


Terminam na próxima quarta-feira (31/01) as inscrições para o processo seletivo de estágio do Sesc Pernambuco. Para a cidade de Surubim, a instituição oferece cinco vagas para estudantes de nível superior que estejam no curso de Letras e Pedagogia. Os interessados podem se cadastrar gratuitamente pelo site www.sescpe.org.br, onde é possível consultar o regulamento completo. As inscrições são limitadas.

 Na seleção, os alunos dos cursos passarão pela análise do histórico escolar e avaliação comportamental. Os estagiários de nível superior receberão uma bolsa de formação no valor de R$ 656 e auxílio transporte de R$ 140. Os interessados devem ter disponibilidade para estagiar 20 horas semanais, compatibilizando as aulas e as atividades do Sesc.

 Para concorrer às vagas, é necessário que o aluno de nível superior esteja cursando um dos quatro últimos períodos da graduação. Só serão aceitos inscritos em instituições credenciadas no Ministério da Educação ou no Conselho Estadual de Educação. O resultado da primeira etapa será divulgado a partir do dia 22 de fevereiro no site www.sescpe.org.br.

 Sesc - O Serviço Social do Comércio (Sesc) foi criado em 1946. Em Pernambuco, iniciou suas atividades em 1947. Oferece para os funcionários do comércio de bens, serviços e turismo, bem como para o público geral, a preços módicos ou gratuitamente, atividades nas áreas de educação, saúde, cultura, recreação, esporte, turismo e assistência social. Atualmente, existem 19 unidades do Sesc do Litoral ao Sertão do estado, incluindo dois hotéis, em Garanhuns e Triunfo. Essas unidades dispõem de escolas, equipamentos culturais (como teatros e galerias de arte), restaurantes, academias, quadras poliesportivas, campos de futebol, entre outros espaços e projetos. Para conhecer cada unidade, os projetos ou acessar a programação do mês do Sesc em Pernambuco, basta acessar www.sescpe.org.br.

Humberto prega desobediência civil em defesa de Lula


Reunido com Lula novamente nesta quinta-feira (25), em São Paulo, o líder da Oposição no Senado, Humberto Costa (PT-PE), declarou que a única maneira, agora, de “impedir um futuro funesto para o Brasil e barrar esse golpe de Estado – iniciado com a derrubada de Dilma e continuado com a tentativa de tirar Lula da disputa eleitoral – é o povo ir às ruas e insistir na candidatura do ex-presidente”.

Para Humberto, que afirmou que estará com Lula até o último momento, a militância terá de ter forte poder de mobilização para reagir ao estado de afronta à Constituição que vive o país. O senador considerou injusta e parcial a decisão tomada ontem pela 8ª Turma do Tribunal Regional Eleitoral da 4ª Região (TRF-4).

“Nós temos de juntar mais gente do nosso lado e partir para uma desobediência civil, sob pena de, se não fizermos isso, estarmos comprometendo todos nós e as futuras gerações do Brasil”, afirmou. Lula acompanhou o discurso de Humberto de pé, próximo a ele, e o abraçou no fim da fala.

O senador ressaltou que a desobediência civil é um instituto lícito e pacífico, que foi utilizado, inclusive, por vários líderes mundiais, como o líder indiano Mahatma Gandhi, referência de paz no globo terrestre.

O parlamentar perguntou aos presentes no ato em defesa de Lula se é justo que três cidadãos tenham o direito, ao desrespeitar a Carta Magna, de caçar o voto de milhões de brasileiros. “Aparentemente, estavam julgando os fatos. Mas era uma farsa. Não existem provas de qualquer crime cometido. Até o presente momento, nenhum deles conseguiu mostrar o que foi dado em troca do suposto benefício concedido a Lula. E, se não há crime, não há criminoso”, disparou.

O líder da Oposição também questionou o comportamento da elite brasileira, que, segundo ele, não tem qualquer apego à democracia e quer ser sócia minoritária do capital internacional. A avaliação do senador é de que essa elite não tem coragem para os nomes que dispõem para disputar nas urnas com Lula.

“Por isso jogam sempre como se fossem o menino dono da bola: se não ganham, dizem que não vai ter jogo e levam a bola para casa. É lamentável”, detonou.

No fim do discurso, olhando para Lula, Humberto disse que estará com ele até o último momento e a última hora para, assim, ajudá-lo a voltar ao comando do país em 2018 a fim de dar continuidade ao que fez pela cidadania, liberdade e direitos do povo brasileiro.

New York Times: Democracia do Brasil empurrada para o Abismo

quarta-feira, 24 de janeiro de 2018


WASHINGTON - A regra da lei e a independência do judiciário são realizações frágeis em muitos países - e susceptíveis a reversões bruscas.

O Brasil, o último país do mundo ocidental a abolir a escravidão, é uma democracia bastante jovem, tendo saído da ditadura há apenas três décadas. Nos últimos dois anos, o que poderia ter sido um avanço histórico - o governo do Partido dos Trabalhadores concedeu autonomia ao judiciário para investigar e processar a corrupção oficial - tornou-se o contrário. Como resultado, a democracia brasileira agora é mais fraca do que aconteceu desde que o governo militar acabou.

Esta semana, em que a democracia pode ser mais corroída quando um tribunal de apelação de três juízes decidir se a figura política mais popular do país, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, do Partido dos Trabalhadores, será impedido de competir nas eleições presidenciais de 2018 , ou mesmo preso.

Não há muita pretensão de que o tribunal seja imparcial. O presidente do painel de apelação já elogiou a decisão do juiz de julgamento de condenar o Sr. da Silva por corrupção como "tecnicamente irrepreensível", e o chefe de gabinete do juiz postou em sua página no Facebook uma petição pedindo a prisão do Sr. Silva.

O juiz de julgamento, Sérgio Moro, demonstrou seu próprio partidarismo em numerosas ocasiões. Ele teve que pedir desculpas ao Supremo Tribunal em 2016 por divulgar conversas telefônicas entre o Sr. da Silva e a presidente Dilma Rousseff, seu advogado e sua esposa e filhos. O juiz Moro organizou um espetáculo para a imprensa em que a polícia apareceu na casa do Sr. da Silva e levou-o para interrogatório - apesar de o Sr. da Silva ter dito que iria denunciar voluntariamente para interrogatório.

A evidência contra o Sr. da Silva está muito abaixo dos padrões que seriam levados a sério, por exemplo, no sistema judicial dos Estados Unidos.

Ele é acusado de ter aceitado um suborno de uma grande empresa de construção, chamada OAS, que foi processada no esquema de corrupção "Lava Jato" no Brasil. Esse escândalo de vários bilhões de dólares envolveu empresas que pagam grandes subornos a funcionários da Petrobras, empresa estatal de petróleo, para obter contratos a preços grosseiramente inflacionados.

O suborno alegadamente recebido pelo Sr. da Silva é um apartamento de propriedade da OAS. Mas não há provas documentais de que o Sr. da Silva ou sua esposa já tenham recebido títulos, alugados ou mesmo ficaram no apartamento, nem que tentaram aceitar esse presente.

A evidência contra o Sr. da Silva baseia-se no testemunho de um executivo da OAS condenado, José Aldemário Pinheiro Filho, que sofreu uma pena de prisão reduzida em troca da evidência do estado de viragem. Segundo o relato do importante jornal brasileiro Folha de São Paulo, o Sr. Pinheiro foi impedido de negociar a súplica quando ele originalmente contou a mesma história que o Sr. da Silva sobre o apartamento. Ele também passou cerca de seis meses na prisão preventiva. (Esta evidência é discutida no documento de sentença de 238 páginas).

Mas essa escassa evidência foi suficiente para o juiz Moro. Em algo que os americanos poderiam considerar como um processo de canguru, condenou o Sr. da Silva a nove anos e meio de prisão.

O estado de direito no Brasil já havia sido atingido por um golpe devastador em 2016, quando a indicada do Sr. Silva, Sra. Rousseff, eleita em 2010 e reeleita em 2014, foi acusada e removida do cargo. A maior parte do mundo (e talvez a maioria do Brasil) pode acreditar que ela foi acusada de corrupção. Na verdade, ela foi acusada de uma manobra contábil que temporariamente fez com que o déficit orçamentário federal fosse menor do que seria de outra forma. Era algo que outros presidentes e governadores faziam sem consequências. E o próprio promotor federal do governo concluiu que não era um crime.

Embora houvesse funcionários envolvidos na corrupção de partidos em todo o espectro político, incluindo o Partido dos Trabalhadores, não houve acusações de corrupção contra a Sra. Rousseff no processo de impeachment.

O Sr. da Silva continua a liderar nas eleições de outubro por causa do sucesso dele e do partido em reverter um longo declínio econômico. De 1980 a 2003, a economia brasileira mal cresceu, cerca de 0,2 por cento anualmente per capita. O Sr. da Silva assumiu o cargo em 2003 e a Sra. Rousseff em 2011. Em 2014, a pobreza foi reduzida em 55% e a pobreza extrema em 65%. O salário mínimo real aumentou 76%, o salário real geral aumentou 35%, o desemprego atingiu níveis recordes e a infame desigualdade do Brasil finalmente caiu.

Mas em 2014, uma profunda recessão começou, e a direita brasileira conseguiu aproveitar a desaceleração para classificar o que muitos brasileiros consideram um golpe parlamentar.

Se o Sr. da Silva for impedido da eleição presidencial, o resultado poderia ter pouca legitimidade, como nas eleições hondurenhas de novembro, que eram amplamente vistas como roubadas. Uma pesquisa no ano passado descobriu que 42,7% dos brasileiros acreditavam que o Sr. da Silva estava sendo perseguido pelos meios de comunicação e pelo judiciário. Uma eleição desacreditada pode ser politicamente desestabilizadora.

Talvez o mais importante, o Brasil se reconstituirá como uma forma de democracia eleitoral muito mais limitada, em que um judiciário politizado pode excluir um líder político popular de se candidatar a cargos. Isso seria uma calamidade para os brasileiros, a região e o mundo.

Assista o julgamento do ex presidente lula ao vivo


Conselho de administração agradece a Laura Gomes indicação do piso salarial da categoria

quinta-feira, 18 de janeiro de 2018


O Gabinete de Laura Gomes, PSB, recebeu ofício do Conselho Regional de Administração (CRA-PE), agradecendo pela Indicação 9.780, de autoria da deputada, propondo ao Governo do Estado a instituição, em todo o Estado, do piso salarial para os profissionais de administração, em exercício na iniciativa privada, partindo do valor sugerido pelo Conselho para a jornada de trabalho de oito horas diárias ou 40 horas semanais.

A idéia do CRA é promover a valorização dos profissionais administradores, que até aqui não contam com um piso de remuneração que reflita a importância social da categoria. O texto do Conselho foi protocolado na Assembleia no dia oito de janeiro e assinado pelo Presidente Robert Frederick Mocock, que, agora, espera as providências da Secretaria Estadual de Administração.

O valor sugerido para pagar 40 horas semanais de trabalho do administrador, de R$ 2.680,00 segue diretrizes preconizadas pela Federação Nacional dos Administradores, de Brasília, e do Sindicato dos Administradores de Pernambuco, por meio da tabela orientativa da cobrança de honorários de serviços prestados pela categoria na iniciativa privada.  A luta, agora, é pela transformação de lei com alcance estadual, com valores atualizados.

Para Laura Gomes “valorizar as categorias profissionais é um dever institucional tendo em vista que o técnico bem pago, em boas condições de trabalho, eleva os níveis de produtividade das empresas e, em paralelo, ajuda a girar a economia de modo a beneficiar toda a sociedade”.

Governo de Pernambuco lança primeira edição de programa de bolsas para ensino superior


O Governo de Pernambuco lançou a primeira edição do programa de acesso ao ensino superior PE no Campus. Serão oferecidas mil bolsas de estudos aos estudantes que obtiveram as melhores notas na última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e do Sistema Seriado de Avaliação (SSA) da Universidade de Pernambuco (UPE). O primeiro eixo de atuação do programa consiste em mobilizar e preparar os estudantes para que participem do Enem e do SSA. O segundo oferece apoio financeiro, com bolsas de estudos, aos alunos de baixa renda da Rede Estadual que forem aprovados em instituições públicas de ensino superior. O lançamento do programa foi na última sexta-feira (12).

O governador Paulo Câmara (PSB) destaca que um levantamento feito nas escolas apontou que menos de 50% dos alunos da rede pública estadual se inscrevem no Enem e no Seriado da UPE por falta da condições financeiras de se manterem nos dois primeiros anos do início do curso universitário. “O programa quer dar oportunidade a esses alunos. Queremos uma maior presença dos estudantes de escola pública estadual nas universidades de todo o país. Serão mil bolsas a cada ano, até termos 100% dos nossos alunos da rede matriculados em universidades”, afirmou.

Como critérios para concorrer ao PE no Campus, o aluno deve ter cursado todo o ensino médio na Rede Pública Estadual e ter concluído, no máximo, há cinco anos, ser atendido pelo Programa Bolsa Família ou possuir renda familiar menor que dois salários mínimos, além de morar a uma distância igual ou superior a 50 Km da universidade onde foi aprovado. Nessa primeira edição, serão distribuídas 900 bolsas para os classificados pelo Enem e 100 para os classificados pelo SSA. O valor da bolsa dos selecionados no PE no Campus será de R$ 950,00 no primeiro ano e R$ 400,00 no segundo ano, que ajudará nos gastos com o curso, moradia, alimentação e transporte.

Os candidatos que desejam participar da seleção devem se inscrever pelo site da Secretaria de Educação de Pernambuco (www.educacao.pe.gov.br), de 19 a 24 de janeiro e acompanhar todo o processo nesse mesmo portal. A divulgação da lista preliminar dos estudantes será no dia 25 de janeiro. O resultado final e a convocação daqueles que iniciarão aulas na universidade no 1º semestre deste ano será em 19 de fevereiro.

Assessoria de Comunicação/PSB Nacional com informações do Governo de Pernambuco

Ricardo Coutinho e Paulo Câmara firmam parceria para levar água a municípios que sofrem com a seca

domingo, 14 de janeiro de 2018


Os governadores da Paraíba, Ricardo Coutinho, e de Pernambuco, Paulo Câmara, assinaram nesta sexta-feira (12) um termo de cooperação que autoriza o processo de licitação para o início das obras de construção da Adutora do Alto Capiberibe, no agreste pernambucano.

A obra captará água da transposição do Rio São Francisco desde o Rio Paraíba e levará água para nove municípios da região, além do município de Barra de São Miguel, na Paraíba, beneficiando cerca de 230 mil pessoas.

O termo de cooperação foi assinado no município de Santa Cruz do Capiberibe. Os eventos contaram com a presença dos dois governadores do PSB, além de prefeitos, deputados, secretários, vereadores, entre outras autoridades.

“A adutora, fruto da parceria com Pernambuco, é importantíssima para os dois estados. Ela representa o esforço conjunto para que a população tenha direito a água, que é essencial para todos”, afirmou Ricardo Coutinho.

“Estou muito satisfeito em poder, junto com o governador Ricardo Coutinho, dar continuidade a esta ação que vai trazer sustentabilidade hídrica para cidades da Paraíba e de Pernambuco. Os municípios só podem se desenvolver quando tiverem condições adequadas, e o acesso à água faz parte disso”, comentou Paulo Câmara.

O investimento será de mais de R$ 70 milhões oriundos de empréstimo da Caixa Econômica Federal.

Assessoria de Comunicação/PSB Nacional com informações do Governo do Estado da Paraíba

MPF da Lava Jato reforça lawfare contra Lula em caso de recibos


O Ministério Público Federal abusou do direito de acusar e reforçou a prática do “lawfare” contra Lula ao apresentar suas alegações finais no último dia 11, no incidente de falsidade nº 5043015-38.2017.4.04.7000, pedindo que seja declarada a falsidade dos recibos de locação apresentados pelo ex-presidente, a despeito da comprovação de que os documentos são autênticos e idôneos.

Durante o interrogatório de Lula ocorrido em 13/09/2017, o Ministério Público Federal, assim como o juiz Sérgio Moro, exortaram o ex-presidente a apresentar recibos da locação contratada por D. Marisa. Colocaram a apresentação dos documentos como fundamental para o reconhecimento da inocência de Lula, embora a acusação formal esteja relacionada à propriedade do imóvel locado e à origem dos recursos utilizados para a sua aquisição.

Os recibos foram apresentados, contendo declaração de quitação dos aluguéis entre 2011 e 2015. Ao invés de reconhecerem a improcedência da acusação, os procuradores passaram a colocar indevidamente sob suspeita a autenticidade dos recibos. Depois, diante da prova de que os recibos haviam sido assinados pelo proprietário do imóvel, os procuradores desistiram de pedir uma perícia em relação aos documentos, passando a sustentar que eles seriam “ideologicamente falsos”, pois, segundo a versão apresentada, os aluguéis não teriam sido efetivamente pagos. A acusação é inverídica e descabida.As alegações do Ministério Público Federal apresentadas nesta data são manifestamente improcedentes, pois: (i) Glaucos da Costamarques reconhece que é o proprietário do apartamento e que adquiriu o imóvel com recursos próprios, e não de valores provenientes de contratos da Petrobras, como consta na denúncia;

(ii) Costamarques esclareceu em 2016 à Receita Federal e à Polícia Federal que recebia os aluguéis entre 2011 e 2015 através de pagamentos em espécie (dinheiro);

(iii) Costamarques jamais registrou a existência de qualquer pendência no pagamento dos aluguéis em suas correspondências à D. Marisa, a inquilina;

(iv) A quebra do sigilo bancário de Costamarques mostrou que entre 2011 e 2015 ele movimentou quantia próxima de R$ 1,4 milhões em dinheiro;

(v) Em momento algum Costamarques explicou a origem de tais valores em espécie em suas contas, compatíveis com o recebimento dos aluguéis, que somam cerca de R$ 188 mil no período;

(vi) O documento apócrifo que teria sido apreendido na residência do ex-Presidente Lula, exaltado pela acusação, estaria relacionado aos pagamentos efetuados “em agência bancária” ou em “débito em conta”, sem relacionar pagamentos feitos em espécie;

(vii) Esse mesmo documento apócrifo não corresponde à realidade dos pagamentos feitos por D. Marisa, segundo os extratos bancários juntados aos autos, reforçando a sua imprestabilidade conforme planilha já apresentada pela defesa em 10/11/2017.

Glaucos da Costamarques é corréu na ação. Prestou depoimento sem o compromisso da verdade, assim como Leo Pinheiro na ação do tríplex. O Ministério Público Federal quer atribuir valor probatório às declarações de Costamarques no que se refere aos aluguéis, mas ao mesmo tempo despreza sua afirmação de que é o proprietário do imóvel, e não “laranja” de Lula.

Ao agir dessa forma, o MPF revela que não tem critério na escolha das provas. Reconhece como idôneo somente aquilo que confronta a defesa de Lula. É a mesma lógica utilizada para recusar o depoimento do ex-advogado da Odebrecht Rodrigo Tacla Durán.

Lula não praticou qualquer ato ilícito, antes, durante ou depois do exercício do cargo de Presidente da República.

Deputado considera suspensão da MP da privatização da Eletrobras uma vitória

sábado, 13 de janeiro de 2018



O deputado federal Danilo Cabral (PSB-PE), presidente da Frente Parlamentar em Defesa da Chesf, considera uma vitória a suspensão dos efeitos da medida provisória 814/17, determinada pela justiça federal em Pernambuco. A MP autoriza a privatização do sistema Eletrobras ao retirar a estatal do Programa Nacional de Desestatização (PND). A ação popular com pedido de liminar foi protocolada ontem   pelo congressista. 

O juiz federal Claudio Kitner, da 6ª Vara Federal do Recife, acatou, em parte, a cautelar do deputado, que questiona a legalidade e a lesividade ao patrimônio da União o processo de venda do setor elétrico do país. Danilo Cabral espera ainda a deliberação judicial sobre o pedido de liminar para o pagamento imediato de R$ 3,5 bilhões devidos pela União à Eletrobras por despesas com o abastecimento de energia da Região Norte. 

Esses recursos deveriam ter sido pagos no fim do ano passado, mas a MP 814 estabeleceu novo prazo - até 2018, sujeito à disponibilidade orçamentária e financeira - para que eles sejam depositados nos cofres da estatal.

“Essa decisão reforça também, do ponto de vista jurídico, que não há um elemento favorável à privatização da Eletrobras”, afirmou Danilo Cabral. O deputado destaca que a decisão judicial se soma a um conjunto de manifestações contrárias à venda do setor elétrico. “A sociedade, através de pesquisas, majoritariamente é contra a privatização. No Congresso, temos as cinco frentes que reúnem mais da metade dos parlamentares da Casa em defesa das subsidiarias da Eletrobras e os presidentes da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e do Senado, Eunício Oliveira (MDB-CE), já disseram que não colocariam a matéria em pauta”, destacou. 

Apesar de o ministro Fernando Filho, das Minas e Energia, ter dito que enviaria o projeto de lei sobre a privatização da Eletrobras para o Congresso em fevereiro, Danilo Cabral acredita que o texto não obterá êxito na Casa. “É a crônica de uma morte anunciada. Quanto mais avançamos em direção ao processo eleitoral, menos chance de uma matéria danosa à sociedade, ao País, prospere”, acrescenta. 

Na ação popular com pedido de liminar, Danilo Cabral, em relação à legalidade da MP, defende que a privatização da Eletrobras só deve ocorrer por meio de lei específica, com trâmite parlamentar regular, porque a estatal foi criada pela Lei Federal nº 3890-A/61. Ele também diz que o argumento de urgência da MP não se sustenta, porque o Programa Nacional de Desestatização não impede a realização de estudos sobre a situação econômica e financeira da estatal, argumento principal utilizado na exposição de motivos do ministro Fernando Bezerra de Souza Coelho Filho para edição da MP.

Quanto à lesividade ao patrimônio público, além do postergação do pagamento dos R$ 3,5 bilhões, a ação questiona como o governo, na Lei  Anual Orçamentária de 2018, prevê que a União arrecadaria R$ 12 bilhões com a venda do setor elétrico, embora afirme que não tenha estudos com o valor de mercado da estatal. Danilo Cabral lembra que a Eletrobras é a maior empresa de energia elétrica da América Latina, com valor de mercado estimado em R$ 370 bilhões, dos quais R$ 81 bilhões são relativos somente à Chesf, segundo estudo apresentado pelo Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco

Paulo Câmara garante sustentabilidade hídrica com a implantação da Adutora do Alto Capibaribe


BARRA DE SÃO MIGUEL (PB) e SANTA CRUZ DO CAPIBARIBE (PE) - Municípios do Agreste Setentrional de Pernambuco estão muito próximos de uma solução definitiva para a crise hídrica que castiga historicamente a região. No início da tarde desta sexta-feira (12.01), o governador Paulo Câmara assinou, em Santa Cruz do Capibaribe, a autorização para licitação da Adutora do Alto Capibaribe, que, a partir do Eixo Leste da Transposição do Rio São Francisco, vindo do Rio Paraíba, levará água para oito cidades pernambucanas, beneficiando 230 mil habitantes. Para isso, serão investidos R$ 82 milhões. Mais cedo, o gestor estadual esteve no município de Barra de São Miguel, na Paraíba, onde assinou o convênio de cooperação técnica e administrativa com o Governo paraibano, que permitirá a capitação dessa água. A parceria também inclui o desenvolvimento de estudos para ações com vistas à melhoria de abastecimento das regiões de fronteira entre os dois Estados.

“Esperamos iniciar as obras da Adutora do Alto Capibaribe nos próximos três meses. A partir disso, temos a possibilidade de, no inicio do ano de 2019, fazer com que as oito cidades sejam abastecidas, e isso é um fato fundamental porque já são sete anos de seca. Por isso, tivemos que fazer alternativas e trazer água a partir da Adutora do Alto Capibaribe do eixo da Transposição vindo da Paraíba. Foi a solução mais rápida e barata e que, ao mesmo tempo, beneficiará tanto o Estado de Pernambuco quanto o da Paraíba”, afirmou o governador Paulo Câmara, assegurando que o dinheiro para as obras já esta garantido.

A primeira etapa da obra da Adutora contempla a implantação das adutoras, iniciando com a captação no Rio Paraíba pelo Eixo Leste da Transposição, com 51km de extensão até a cidade de Santa Cruz do Capibaribe, onde será interligada à Adutora do Agreste e à Adutora de Jucazinho. Além das oito cidades pernambucanas, na Paraíba, o município de Barra de São Miguel também será beneficiado com a implantação da adutora. Já a segunda etapa contempla a construção das unidades estacionárias ao longo do equipamento, com a implantação de captação por tomada direta no Rio Paraíba com vazão de 371l/s, construção de duas Estações Elevatórias, dois Tanques de Amortecimento Unidirecional (TAU’s) e três Stand Pipes.

Com relação ao convênio firmado pelo governador Paulo Câmara com o governo paraibano, a Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa) e a Companhia de Água e Esgotos da Paraíba (Cagepa) serão as responsáveis. Juntas, as companhias poderão adotar providências para colocar em prática os estudos desenvolvidos através do acordo, criando sistemáticas de planejamento e realizando o monitoramento periódico para dar efetividade às ações pactuadas. Anualmente, os órgãos estaduais deverão elaborar relatórios de desempenho com as metas e resultados alcançados no ano anterior. O convênio terá uma vigência de 12 meses, contados a partir da data de sua assinatura, sendo renovado automaticamente salvo manifestação contrária de alguma das partes.

"Estou muito feliz de poder dar continuidade a uma ação tão bem planejada que vai ajudar tanto Pernambuco quanto a Paraíba na questão do abastecimento de água e da sustentabilidade hídrica das nossas cidades. Precisamos mostrar ao Brasil que dá para nos juntarmos, sentarmos à mesa e ver alternativas que possam melhorar a vida do povo. Essa ação vai servir, principalmente, à população mais pobre, que terá água regular e, acima de tudo, condição de prosperar. O dinheiro é curto, e precisamos priorizar aquilo que é mais importante.  Eu não vejo nada mais importante no momento que nós passamos, após sete anos de seca, do que o abastecimento de água", ressaltou o governador Paulo Câmara, acompanhado por prefeitos, parlamentares e lideranças da região.

O governador da Paraíba, Ricardo Coutinho, destacou que é preciso união, solidariedade e fraternidade para resolver problemas seculares como o da seca no Nordeste. "É muito importante o que nós estamos celebrando aqui hoje. A adutora vai ser feita pelo Governo de Pernambuco e Santa Cruz do Capibaribe e mais sete cidades haverão de ter o direito à água. O que nós precisamos é olhar para o Nordeste e fazer com que essa água chegue a todo canto, ou seja, é a solidariedade e a fraternidade que tem que acontecer. Então, quero parabenizar o governador Paulo Câmara pela determinação em resolver um problema secular", ressaltou.

O presidente da Compesa, Roberto Tavares, destacou que os dois estados vêm sofrendo muito com as seca dos últimos anos, mas, o acordo possibilitará atender aos anseios da população das cidades beneficiadas. "O ato que nós estamos fazendo hoje é histórico. Estamos mostrando que, com recursos próprios, nós também temos capacidade de fazer as obras e de legar ao nosso povo o benefício desse líquido tão precioso que é a água", finalizou.

Após sofrer parada cardíaca, ex radialista da POP-FM morre no Recife.

quarta-feira, 10 de janeiro de 2018


O radialista Jorge Luiz Hermínio da Silva faleceu na noite desta terça-feira (9) no Hospital da Restauração no Recife. De acordo com familiares, ele havia passado recentemente por uma cirurgia e por volta das 19h desta terça veio a óbito após sofrer uma parada cardíaca. O corpo do radialista será velado no velatório em Carpina e em seguida o sepultamento deverá acontecer na tarde desta quarta-feira (10) em Limoeiro. Jorge Herminio recentemente participou do programa Passando a limpo da rádio Alternativa FM, Giro Mata Norte e acumula passagens em diversas emissoras de rádio.

Com informações http://www.vozdepernambuco.com/

Em Taquaritinga, Ricardo Teobaldo anuncia investimentos na saúde, infraestrutura e agricultura

terça-feira, 9 de janeiro de 2018


Cumprindo agenda administrativa no município de Taquaritinga do Norte, no último sábado (02), o deputado Ricardo Teobaldo concedeu entrevista a Rádio Farol FM. Acompanhado do prefeito Ivanildo Mestre (Lero), vereadores e secretários municipais, Teobaldo destacou os recursos que alocou no Orçamento Geral da União, proveniente de emendas parlamentares, para o próximo ano. Taquaritinga receberá investimentos nas áreas de saúde, infraestrutura e agricultura.

Um dos pontos destacados por Ricardo Teobaldo durante a entrevista foi a importância de trabalhar ouvindo o executivo e o legislativo. “Os recursos que destinei a Taquaritinga para o próximo ano foram pedidos de Lero e dos vereadores. Eles solicitaram o investimento na saúde do município, a aquisição de um veículo para transporte dos pacientes de hemodiálise e a construção de duas passagens molhadas. É por isso que sempre que posso venho ao município para ouvir o prefeito, os vereadores e ver de perto as necessidades da população”, frisou.

Governo de Pernambuco reforça abastecimento hídrico em Riacho das Almas

quinta-feira, 4 de janeiro de 2018


Após inaugurar a Estação Elevatória do Salgado, em Caruaru, o governador Paulo Câmara seguiu para o município de Riacho das Almas, um dos beneficiados com a entrega do empreendimento hídrico, para autorizar o início da pré-operação da inversão da Adutora de Jucazinho. A ação irá proporcionar infraestrutura necessária para o bombeamento de 100 l/s e retorno do abastecimento de água por meio da rede de distribuição local.

“A obra foi feita em tempo recorde, está entregue à população, e a gente têm a certeza de que, nos próximos meses, iremos ter uma regularidade de água chegando aqui, em Riacho das Almas. Eu tenho a certeza de que o nosso governo vai continuar a trabalhar para melhorar a qualidade de vida do nosso povo, e nada melhor do que ter água nas torneiras para representar essa mudança que queremos dar a todos os pernambucanos.”, frisou Paulo Câmara.

O prefeito Mota agradeceu a parceria contínua do Governo de Pernambuco e garantiu manter essa unidade que vem dando certo. “Tenho a consciência tranquila de saber que essa equipe do governo está fazendo tudo para que a população de Riacho das Almas tenha uma vida melhor. Vamos continuar atentos, junto à população e o Estado, para melhorar cada vez mais a capacidade do fornecimento de água em cada rua da nossa cidade. O governador sai daqui com dois sentimentos: o de agradecimento do povo riachense, e o de saber que estaremos juntos nas lutas para ajudar Pernambuco e o Brasil”, declarou.

Estiveram presentes ainda; o diretor regional do Interior da Compesa, Marconi de Azevedo e o diretor de articulação e meio ambiente da Compesa, Aldo Santos.

Governo de Pernambuco vai incentivar espetáculos da Paixão de Cristo


O X Edital Pernambuco de todas as paixões diponibiliza R$ 340 mil para montagens de todo o estado. Por meio da Secult-PE e da Fundarpe, o Governo do Estado torna público o X Edital Pernambuco de Todas as Paixões. Consolidado como importante instrumento para a manutenção de espetáculos cênicos durante ciclo festivo, o edital deste ano garante recursos na ordem de R$ 340 mil e as inscrições podem ser realizadas entre os dias 10 e 24 de janeiro. A seleção das propostas será realizada em duas etapas, sendo a primeira de habilitação, que avaliará o recebimento da documentação exigida; e a segunda de Análise do Mérito Cultural, que vai considerar critérios como histórico do espetáculo, geração de trabalho e renda, ações de acessibilidade, entre outros.

Em mais uma edição, a Comissão de Análise será composta também por profissionais do setor, que podem se candidatar por meio de Convocatória específica.

Dúvidas e outros esclarecimentos podem ser obtidos através do e-mail teatroeopera@secult.pe.gov.br ou pelo telefone (81) 3184-3077.

Lula mantém liderança em última pesquisa de 2017

quarta-feira, 3 de janeiro de 2018


O ex-presidente Lula aparece na frente da disputa das eleições presidenciais de 2018, com 29,2% das intenções de voto, em uma pesquisa divulgada pelo Instituto Paraná Pesquisas, a última realizada em 2017. Depois de Lula, estão os nomes de Jair Bolsonaro em segundo, com 21,1%; Marina Silva (Rede), com 8,6%, Geraldo Alckmin (PSDB), com 7,9%, Joaquim Barbosa (6,8%), Ciro Gomes (PDT), com 5,2% e Alvaro Dias (Podemos), com 3,5%.

 Os dados publicados pelo Instituto Paraná demonstram a liderança consolidada e em ascensão de Lula nas pesquisas realizadas ao longo deste ano, pelos mais diversos institutos do país. Em um cenário nacional de processos e julgamentos politizados com a intenção de impedir o ex-presidente de concorrer nas eleições, a resposta popular mostra amplo apoio a Lula.

 O Instituto Paraná Pesquisas ainda perguntou aos eleitores qual seria o nome do candidato com mais chances de voto caso Lula não possa se candidatar. Neste caso, o nome da ex-presidenta Dilma Roussef aparece em primeiro lugar, sendo citada por 28,3% dos entrevistados.

 A pesquisa foi realizada em 164 municípios brasileiros entre os dias 18 e 21 de dezembro, com participação de 2.020 pessoas. A margem de erro é de dois pontos percentuais. No site do instituto é possível conferir sua íntegra.

AmupePor um municipalismo mais forte. Institucional Municípios Imprensa Serviços Biblioteca Parceiros Fale Conosco Webmail Pesquisa Pesquisa no Portal Arquivos do Autor:AMUPE Decreto 9.257 prorroga prazo de inscrição do CAR para maio de 2018 02/01/2018 O presidente Michel Temer assinou o dia (31/12/2017), decreto que prorroga para 31 de maio de 2018 o prazo para que produtores façam sua inscrição no Cadastro Ambiental Rural (CAR), informou o Palácio do Planalto. A data final expirava no dia 31 de dezembro. Foi prorrogado o prazo para que proprietários rurais se inscrevam no Cadastro Ambiental Rural (CAR). A base eletrônica de dados foi criada a partir do novo Código Florestal e contém informações das propriedades e posses rurais, além dos limites das posses com áreas de vegetação nativa e reservadas para preservação. Conforme Decreto Nº 9.257 assinado pelo presidente Michel Temer em 29/12/2017, o novo prazo final para inscrição é 31 de maio de 2018. A inscrição no cadastro eletrônico é obrigatória para todos os imóveis rurais do país. A regularização ambiental das propriedades pode garantir acesso a benefícios e compensações para imóveis que possuem excedentes de vegetação nativa ou cotas de reserva ambiental. leia o decreto aqui Articulação entre Paulo e Temer assegura R$ 200 milhões para a Hemobrás no OGU 02/01/2018 Para o governador de Pernambuco essa medida acaba com as especulações de que a Hemobrás seria esvaziada pelo Governo Federal Em conversa hoje (29/12) à noite com o presidente Michel Temer e o ministro da Saúde, Ricardo Barros, o governador Paulo Câmara assegurou a destinação de R$ 200 milhões do Orçamento Geral da União (OGU) de 2018 para a Empresa Brasileira de Hemoderivados e Biotecnologia (Hemobrás). O anúncio ocorre no último dia útil do ano, mas foi interpretado como uma vitória pelo governador pernambucano. “Esse empenho afastará, definitivamente, a questão de desmobilização da Hemobrás, de transferência de tecnologia para processamento de plasma sanguíneo em outro Estado. A Hemobrás é um patrimônio brasileiro e uma conquista de Pernambuco, fruto do trabalho de muitos pernambucanos e pernambucanas”, disse o governador Paulo Câmara, que teve como aliado nessa articulação o deputado federal Fernando Monteiro. De acordo com Monteiro, os recursos vão permitir a conclusão da subestação de energia elétrica, o bloco de triagem e armazenamento do plasma, além do segundo bloco de fracionamento de plasma. A fábrica da Hemobrás está localizada no município de Goiana, litoral norte de Pernambuco. Por outro lado, o governador Paulo Câmara assumiu o compromisso de efetivar a transferência do terreno para a Hemobrás e integralizar o capital do Governo do Estado na empresa. Toritama comemora aniversário com mais água nas torneiras

terça-feira, 2 de janeiro de 2018


TORITAMA – No dia em que Toritama completa 64 anos, o governador Paulo Câmara foi até o município do Agreste Setentrional, na manhã desta sexta-feira (29.12), para inaugurar o lote 4 do Sistema Adutor do Agreste, no trecho situado entre os municípios de Caruaru e Toritama. A obra, que contou com um aporte de R$ 30 milhões, consiste na  implantação de adutoras para abastecer toda a população das duas cidade que integram o trecho, beneficiando cerca de 45 mil habitantes. Na ocasião, o chefe do Executivo estadual pontuou o esforço que o governo vem fazendo para amenizar os efeitos da seca na região. 

“Água é uma qualidade de vida importante. Agora, teremos regularidade no abastecimento aqui, em Toritama, a partir da estruturação da Adutora do Agreste, e com os sistemas do Prata e do Pirangi. Em breve, estaremos lançando também uma licitação para trazer água do eixo da Transposição que vem da Paraíba. Ao mesmo tempo, nós iremos construir uma adutora chamada Alto do Capibaribe, que também vai trazer água para os municípios dessa região. São seis anos de seca e nós precisamos dar respostas mais rápidas diante da ausência de água nessas regiões que tanto sofrem com a estiagem”, destacou Paulo.

Com extensão total de 11,3 km e tubulações com diâmetros que variam de 300 a 1200 mm, a construção vem para suprir o cenário de escassez hídrica, associado ao atraso de execução das obras do Ramal do Agreste, de responsabilidade do Governo Federal. Através da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), o Governo de Pernambuco buscou alternativas para captação de água em mananciais locais com o objetivo de dar funcionalidade aos trechos já implantados da Adutora do Agreste.

Uma destas alternativas foi a interligação da Adutora do Agreste com o Sistema Adutor de Tabocas, utilizando desta forma a água oriunda do Sistema Prata/Pirangi. A intervenção possibilitou colocar em operação cerca de 11,3 km do trecho da Adutora do Agreste entre o Povoado de Lajes (Caruaru) e o município de Toritama. “Um trecho importante, porque é um trecho de tubulação da Adutora do Agreste que é o sonho de todo agrestino. A gente espera que, em breve, mais cidades comecem a ser beneficiadas”, frisou o diretor regional do Interior da Compesa, Marcone de Azevedo.

EXPRESSO DA MODA – Durante a visita, o governador inaugurou o Expresso da Moda, equipamento que visa apoiar os comerciantes do Polo de Confecções na emissão de Notas Fiscais avulsas e desburocratizando o pagamento dos impostos devidos. Além disso,  vai regularizar o trânsito e o escoamento legal de mercadorias, atrair novos compradores, aumentar o volume de negócios realizados pelos empreendedores e, consequentemente, fortalecer o desenvolvimento econômico da região. 

No local, será disponibilizado o serviço de emissão prévia de Nota Fiscal e a Guia de recolhimento do imposto, permitindo ao comprador realizar o pagamento no ponto de atendimento do SICOOB (Sistema de Cooperativas de Crédito do Brasil), que é um agente arrecadador da GNRE (Guia Nacional de Recolhimento Estadual).

Para o prefeito Edilson Tavares, a vinda do governador foi um presente para a cidade. “É de costume, na festa de aniversário, se trazer um presente para o aniversariante. E o nosso governador, não trouxe apenas um, mas dois presentes para a cidade de Toritama. Traz o nosso Expresso da Moda, equipamento extraordinário para o nosso polo de confecções, colocando Pernambuco na vanguarda da situação tributária. E o mais importante de tudo, a vinda da água. Só um pai de família que tira do seu dinheiro suado pra comprar água de um caminhão-pipa sabe o quanto essa inauguração significa de verdade”, disse.

Estiveram presentes na agenda o deputado federal André de Paula; os deputados estaduais Laura Gomes, Tony Gel, José Queiroz, Jorge Gomes; além dos secretários estaduais Nilton Mota (Casa Civil), Wellington Batista (Agricultura e Reforma Agrária), Fred Amancio (Educação), João Campos (Chefe de Gabinete) e Ruy Bezerra (Controladoria Geral do Estado).

Também prestigiaram o evento os prefeitos municipais João Lira (Bom Jardim), João Camelo (Casinhas), Mariana Medeiros (Cumaru), Danilson Gonzaga (Feira Nova), Maria (João Alfredo), Joãozinho (Limoeiro), Argemiro Pimentel (Machados), Chaparral (Orobó), Antônio de Roque (Jataúba), Rênya Carla (Passira), Edson Vieira (Santa Cruz do Capibaribe), Robevan (Santa Maria do Cambucá), Ana Célia (Surubim), Renato Sales (Vertente do Lério), Romero Leal (Vertentes), Lero (Taquaritinga do Norte); Representando todos os empresários e comerciantes, Edson Tavares; o presidente da Câmara Municipal de Toritama, vereador José Arimatéia; o diretor regional do Interior da Compesa, Marconi de Azevedo e o diretor de articulação da Compesa, Aldo Santos.

Líderes apontam ações de bancadas e analisam gestão estadual


As lideranças da Oposição e do Governo, Sílvio Costa Filho (PRB) e Isaltino Nascimento (PSB), respectivamente, ocuparam a tribuna, nesta quinta (21), para relatar as principais ações desenvolvidas pelas bancadas em 2017. O oposicionista ressaltou a importância das visitas e viagens feitas durante o ano, dentro do projeto “Pernambuco de Verdade”, com o objetivo de fiscalizar obras e equipamentos públicos. O governista, por sua vez, elencou ações da gestão estadual, elogiando “o equilíbrio nas contas,  os avanços na educação e os investimentos em segurança pública”.

“Ao longo de 2017, tivemos a oportunidade de percorrer mais de cinco mil quilômetros e visitar mais de 65 cidades para observar o conjunto de obras inacabadas que temos hoje e, acima de tudo, ouvir o povo de Pernambuco”, frisou Costa Filho. “Mais do que a atuação nas tribunas e gabinetes, é a conversa com a população dos quatro cantos do Estado que tem fortalecido a Oposição nesta Casa”, considerou.  

Para o oposicionista, esse diálogo revelou o “fracasso do atual Governo na gestão das áreas de segurança e saúde, nos investimentos públicos e na geração de emprego”. “Tivemos o ano mais violento da história, com mais de cinco mil assassinatos. E, quando analisamos a situação econômica, vemos que Pernambuco hoje faz menos investimentos do que Estados vizinhos”, declarou o parlamentar. Segundo ele, Pernambuco investiu 5,5% de sua Receita Corrente Líquida (RCL), enquanto o Ceará chegou a 12,2% e a Bahia, a 10,8%.

Outro problema levantado foi o número de obras inacabadas no Estado. “Segundo o Tribunal de Contas, temos mais de 1,5 mil obras paralisadas ou inacabadas, o que inclui o BRT, UPAs, escolas de referência e conjuntos habitacionais”, prosseguiu Costa Filho, enfatizando ainda o aumento do desemprego. “Enquanto o desemprego no Brasil caiu, o número de pessoas sem trabalho em Pernambuco aumentou”, apontou.

Governo – Já Isaltino Nascimento lembrou que cinco Estados brasileiros não conseguirão pagar o 13° salário dos servidores neste ano, fato que não se repete em Pernambuco. “Isso é uma demonstração de que aqui conseguimos superar as adversidades que vivenciamos”, afirmou. O governista destacou a relevância do Programa Especial de Recuperação de Créditos Tributários (Perc) para o equilíbrio das contas.

Nota sobre estouramento na rede adutora de Jucazinho


A Compesa está realizando os reparos na tubulação da adutora de Jucazinho onde houve um estouramento na manhã desta terça-feira, 02/01, em Caruaru, durante os testes para o abastecimento das cidades de Riacho das Almas, Cumaru e Passira. O problema ocorreu próximo à Estação de Tratamento de Água do Salgado (ETA-Salgado). Assim que teve conhecimento do caso, a companhia iniciou os procedimentos para estancar o vazamento. A equipe de manobra desligou o sistema de imediato. Equipes de manutenção estão no local providenciando os reparos na rede. Outros dois vazamentos menores encontrados na rede adutora de Jucazinho no bairro São João da Escócia e próximo ao Cemitério Parque dos Arcos também estão sendo consertados. Os serviços devem ser concluídos em até 24 horas. A Compesa informa ainda que este caso não afeta o abastecimento de Caruaru. Sobre a invasão da água em casas na Rua Rodopiano Florêncio, no bairro do Salgado, a companhia enviou equipes ao local para dar suporte aos moradores atingidos e vai fazer um levantamento dos prejuízos causados para providenciar a indenização.
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página