Policial pede bombeira em casamento após ela ser promovida em Caruaru

quarta-feira, 3 de maio de 2017


Após o "banho de neblina", que marca a promoção de alguém no Corpo de Bombeiros, a surpresa: entre lágrimas, Camila Avelino, de 32 anos, foi pedida em casamento. Agora 3º sargento, ela não esperava que fosse noivar no mesmo dia em que foi promovida. "Não imaginava. Ele sempre me falava que teria vergonha de fazer esse tipo de pedido na frente de todo mundo", disse emocionada.

Ao G1, ela contou que o noivo, o policial militar Davison Alves, de 31 anos, foi com ela até a solenidade. "Quando eu fui colocar a farda e voltei, ele tinha sumido. Fiquei sem saber onde ele estava, liguei, mandei mensagem, mas ele não aparecia", ressaltou Camila, que trabalha em Caruaru, no Agreste de Pernambuco.

O casal está junto há seis meses - ou mais precisamente há 202 dias, como Davison gosta de enfatizar. "É pouco tempo, mas foi tudo bem vivido", declarou a 3º sargento. Eles se conheceram quando ela fez o curso para se tornar sargento do Corpo de Bombeiros. O policial revelou que se apaixonou por Camila assim que a viu.

"Segundo ele, assim que me viu, disse: é ela. Nem sabia quem eu era, não sabia meu nome, nem nada. Foi amor a primeira vista por parte dele. E ele foi me conquistando. Por isso hoje estamos aqui", afirmou a noiva.

Davison lembra com carinho dos preparativos para fazer a surpresa no mesmo dia da promoção de Camila. "Nos encontramos uma vez e já começamos a namorar. Foram bem rápidas as coisas. Como o 'banho de neblina' é como um batismo dentro do Corpo de Bombeiros, para materializar o dia de hoje, torná-lo inesquecível para ela, eu pensei: Por que não pedí-la em casamento? Que bom que deu certo", comemorou o noivo.

Além do policial militar, a 3º sargento também conquistou o filho dele, o pequeno Vitor Daniel, de nove anos. Ao ser questionado sobre o que sentiu ao saber que o pai irá casar, ele disse: "Estou feliz. Eu não só gosto dela, eu amo muito Camila".

Preparativos para a surpresa

Para pedir a então namorada em casamento, Davison contou com a ajuda do capitão Paulo Henrique, que também é do Corpo de Bombeiros. "Ele chegou para mim e propôs fazer essa surpresa do pedido. Então, nós preparamos tudo. Cedemos para ele uma roupa de incêndio do Corpo de Bombeiros com o capacete, para ele participar do 'banho de neblina', que marcou a promoção de Camila", explicou.

O capitão ainda ressaltou a importância de participar deste momento da vida do casal. "Eu participei da união de dois companheiros que trabalham conosco e isso me deixou muito feliz. É mais uma etapa da vida deles que começa agora. Agora, eu só desejo felicidades", destacou.

No total, foram promovidos 20 bombeiros, entre cabos, soldados e sargentos. A solenidade ocorreu na manhã desta sexta-feira (3), no quartel do Corpo de Bombeiros de Caruaru.

Fonte;G1
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página