Missionário da Casa da Bênção recebe Título de Cidadão de Pernambuco

quarta-feira, 3 de maio de 2017



Nascido em Minas Gerais, Jaime Caieiro tomou, aos 13 anos, uma decisão que mudaria sua vida para sempre: ingressou na Igreja Tabernáculo Evangélico de Jesus, em Belo Horizonte. A partir de então, teve oportunidade de lutar por novos caminhos, chegando a se tornar pastor e, depois, missionário. Caieiro recebeu, nesta quinta (27), o Título de Cidadão de Pernambuco, em uma Reunião Solene na Assembleia Legislativa. A iniciativa partiu do deputado Joel da Harpa (PTN).

Na década de 1970, Jaime Caieiro chegou ao Recife. De ex-vendedor ambulante, virou desbravador do mundo, embarcando em missão espiritual para Europa, Ásia e Oriente Médio. Atualmente, ele é vice-presidente do Supremo Concílio, órgão que administra a Igreja Casa da Bênção Mundial.

Na abertura da cerimônia, o deputado André Ferreira (PSC) registrou as ações beneficentes do homenageado. “Ele é exemplo de pessoa que se fez por si mesmo, passando pelas maiores dificuldades e se tornando um vencedor.”

Joel da Harpa também lembrou os problemas enfrentados pelo missionário, durante a infância e a adolescência, e o fato de haver sido consagrado precocemente pastor, aos 16 anos. “Desde que chegou a Pernambuco, Jaime Caieiro desenvolveu grandes projetos sociais. Que o seu trabalho sirva de exemplo para todo o Estado.”

O homenageado agradeceu a “Jesus Cristo” e enfatizou que, atualmente, a Alepe tem entre seus integrantes pessoas com “propósito de fé”. Ele recordou que, quando chegou a Pernambuco, em 1977, fundou a Igreja Casa da Bênção, em Olinda. “Na época, os evangélicos sofriam discriminação. Hoje, a população que se declara evangélica nessa cidade já é maioria”, comemorou.  
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página