Projeto de Danilo Cabral propõe Cartão Reforma para vítimas das enchentes

quarta-feira, 31 de maio de 2017


O deputado federal Danilo Cabral (PSB-PE) reapresentou, a partir de uma sugestão do governador Paulo Câmara, uma proposta para que o Cartão Reforma atenda emergencialmente a população vítima das enchentes que atingiram o estado no último fim de semana. O Projeto de Lei 7.744, de autoria do parlamentar, acrescenta um dispositivo à lei 13.439, de 27 de abril de 2017, para dar prioridade no atendimento para famílias vítimas de tragédias ou desastres naturais. 

Quando o debate sobre a criação do Cartão Reforma chegou à Câmara dos Deputados, como a Medida Provisória 751, Danilo Cabral apresentou um emenda para que o programa priorizasse o atendimento às pessoas vítimas de desastres naturais. Na época, a relatora, senadora Ana Amélia (PP-RS) rejeitou a proposta, justificando que a sistemática de destinação de recursos para a população atingida por catástrofes naturais já é prevista na lei 12.340, de 2010. 

“Pernambuco tinha vivenciado essas experiência em 2010 e vimos a importância de um atendimento especial para que as pessoas tivessem um suporte para reconstruírem suas vidas. Infelizmente, a proposta não foi acatada. O fato é que não há, na lei do Cartão Reforma (lei 13.439), que as pessoas vítimas de desastres naturais têm prioridade no atendimento do programa, por isso, reapresentamos a sugestão, agora, em forma de projeto de lei”, explica Danilo Cabral. 

O deputado ressalta que o Cartão Reforma já tem estabelecidos os critérios para o atendimento das pessoas. Segundo a lei, têm direito ao programa as famílias com renda mensal de até R$ 2,8 mil. Nesse valor, devem ser incluídos benefícios de programas de transferência de renda, como o Bolsa Família, mas excluídos os créditos de outros programas habitacionais. “O ministro Bruno Araújo (Cidades) afirmou que, em Pernambuco, 70 mil pessoas seriam beneficiadas. O que colocamos é que o governo federal priorize as pessoas que foram atingidas pelas enchentes”, reforçou Danilo Cabral. 

Na última segunda-feira (29), o governador Paulo Câmara afirmou que iria encaminhar ao presidente Michel Temer a sugestão de criação de um "Cartão Reforma Emergencial” para o atendimento à população vítima das enchentes. O governador ressaltou que, diferentemente de 2010, as casas não foram destruídas pelas cheias, mas as famílias perderam móveis e eletrodomésticos. Assim, o programa poderia permitir que essas famílias tivessem um apoio financeiro para recomeçassem suas vidas. 

O Cartão Reforma oferece subsídio para que famílias de baixa renda comprem materiais de construção destinados para reforma, ampliação, promoção de acessibilidade ou à conclusão de imóveis. O programa poderá investir R$ 1 bilhão neste ano, através da Caixa Econômica. Os beneficiários receberão o valor na forma de crédito para usar na compra de produtos.

Bancada solicitará liberação imediata do FGTS às vítimas das cheias


A solicitação ao governo federal de liberação imediata do saque do FGTS para as vítimas das enchentes, como propôs o senador Armando Monteiro (PTB-PE) em discurso na última segunda-feira (29), foi uma das decisões da bancada de Pernambuco na Câmara dos Deputados e no Senado em reunião, nesta quarta-feira (31), em Brasília, para discutir medidas que atenuem os efeitos das cheias.

Como o Ministério da Integração Nacional editou hoje a Portaria 68, reconhecendo o estado de emergência em 24 municípios pernambucanos, foi dada a autorização legal para liberar os saques do FGTS. Em encontro que terão, no fim da tarde com o ministro da Integração, Helder Barbalho, os deputados e senadores pernambucanos proporão que a decisão seja colocada em prática rapidamente. “A medida irá ajudar a população atingida a começar a se recompor da tragédia”, assinalou Armando Monteiro.

Outra decisão da reunião da bancada, que teve a participação do vice-governador Raul Henry, e do presidente da Compesa, Roberto Tavares, foi de analisar com Barbalho a repactuação dos recursos às quatro barragens de contenção de enchentes cujas obras estão paralisadas. Se as obras forem retomadas, as barragens Gatos, Panelas II, Igarapeba, Barra de Guabiraba terão prazo de conclusão variando entre um ano e um ano e meio, informou Tavares.

Governo de Pernambuco envia 24 toneladas de alimentos à população impactada pelas chuvas


No esforço de amenizar os impactos sofridos pela população vítima das enchentes nos municípios da Zona da Mata Sul e de parte do Agreste do Estado, o Governo de Pernambuco está realizando a distribuição de alimentos de pronto consumo e não-perecíveis, água potável, roupas, colchões, lonas plásticas e materiais de higiene e limpeza. Somente nesta terça-feira (30.05), foi contabilizado pelo Gabinete de Crise - instalado no Palácio do Campo das Princesas - o envio de 24 toneladas de alimentos, 18 mil litros de água e nove mil quilos (kg) de itens de higiene e limpeza. A entrega dos itens está sendo feita nos 24 municípios em estado de Emergência.

A ação é fruto da solidariedade do povo e de esforços dos órgãos e secretarias estaduais para oferecer todo o amparo necessário aos milhares de pernambucanos prejudicados. A iniciativa se enquadra no trabalho estabelecido pelo governador Paulo Câmara, que instalou o Gabinete de Crise, unificando o trabalho do Estado no enfrentamento às fortes chuvas que caíram no último final de semana. Os 24 municípios que estão recebendo doações são Caruaru, Ipojuca, Joaquim Nabuco, Jurema, Lagoa dos Gatos, Primavera, Quipapá, Sirinhaém, Tamandaré, Xexéu, Belém de Maria, Gameleira, Palmares, Amaraji, Maraial, Ribeirão, Cortês, Barra de Guabiraba, São Benedito do Sul, Rio Formoso, Catende, Água Preta, Jaqueira e Barreiros.

Para realizar a distribuição de alimentos nas áreas afetadas, trabalhos de buscas, resgates e deslocamento de pessoas, dois helicópteros do modelo H-225M, sendo um da Marinha do Brasil e outro da Força Aérea Brasileira, chegaram, hoje, em Pernambuco, e ficam por tempo indeterminado. As aeronaves, que têm condições de operar em condições climáticas desfavoráveis, têm capacidade de carga para dois mil quilos de mantimentos.

Programação do São João 2017 de João Pessoa é divulgada; confira





SÃO JOÃO 2017 NA PARAÍBA
Programação do São João 2017 de João Pessoa é divulgada; confira
Festa tem shows de Rita de Cassia, Cezzinha, Ton Oliveira e Dejinha de Monteiro e 'Sabadinho Junino'.
Por G1 Paraíba
30/05/2017 11h31  Atualizado 30/05/2017 16h01
Quadrilhas juninas se apresentam em festival em João Pessoa (Foto: Rafael Passos / Secom-JP) Quadrilhas juninas se apresentam em festival em João Pessoa (Foto: Rafael Passos / Secom-JP)
Quadrilhas juninas se apresentam em festival em João Pessoa (Foto: Rafael Passos / Secom-JP)
A festa de São João de João Pessoa começa neste sábado (3), com show de Tony Dumond e Os 3 do Norte, na Praça Rio Branco, no Centro. A abertura da festa acontece durante uma edição especial do Sabadinho Bom, que no mês de junho vai ser apelidado de Sabadinho Junino. A programação segue até o dia 25 e tem shows de Rita de Cassia, Cezzinha, Ton Oliveira e Dejinha de Monteiro.
Veja todas as notícias do São João 2017 na Paraíba
Durante todo mês, todos os sábados vão ter programação na praça Rio Branco, sempre a partir das 12h30. Já nos domingos , a programação começa às 17h e acontece tanto no Parque Solon de Lucena, no Centro, quanto no Largo da Gameleira, em Tambaú. Entre as atrações, estão previstas apresentações de quadrilhas juninas e grupos de forró pé-de-serra.
No Ponto de Cem Réis, um palco vai ser montado para o Encontro Municipal de Quadrilhas, que acontece nos dias 13, 14 e 15, reunindo 27 agremiações nos grupos A e B. Segundo o diretor adjunto da Funjope, Jonildo Cavalcanti, as quadrilhas estão recebendo um apoio de mais de R$ 350 mil. “São R$15 mil para cada quadrilhas do grupo A e R$12 mil para cada uma das equipes do grupo B”, explica.
No fim de semana do São João, a festa também se concentra no Ponto de Cem Reis. No dia 23, a programação tem shows de Rita de Cassia e Cezzinha, enquanto Ton Oliveira e Dejinha de Monteiro se apresentam no dia 24, com shows programado para começar às 20h.
Veja a programação completa
Dia 3 (sábado)
Praça Rio Branco
12h30, Tony Dumond
13h45, Os Três do Norte
Dia 4 (domingo)
Largo da Gameleira
17h, Forró Pezzado
Parque Solon de Lucena
17h, Ripa na Chulipa
Dia 10 (sábado)
Praça Rio Branco
12h30, Flor de Mussambê
13h45, Os Três do Xamêgo
Dia 11 (domingo)
Largo da Gameleira
17h, Expressão Nordestina
Parque Solon de Lucena
17h, Forrofiando
Dias 13, 14 e 15 (terça, quarta e quinta)
Ponto de Cem Réis
19h, Concurso de Quadrilhas Juninas de João Pessoa e Região Metropolitana
Dia 16 (sexta-feira)
Ponto de Cem Réis
19h, Concurso de Quadrilhas Juninas da Paraíba
Dia 17 (sábado)
Praça Rio Branco
12h30, Quarteto Som de Sanfona
Ponto de Cem Réis
19h, Concurso de Quadrilhas Juninas da Paraíba
Dia 18 (domingo)
Largo da Gameleira
17h, Forró Encabulado
Parque Solon de Lucena
17h, Os Fulanos
Ponto de Cem Réis
19h, Concurso de Quadrilhas Juninas da Paraíba
Dia 23 (sexta)
Ponto de Cem Réis
20h, Rita de Cassia
22h, Cezzinha e Banda 5 de Agosto
Dia 24 (sábado)
Praça Rio Branco
12h30, Forrofiando
Ponto de Cem Réis
20h, Ton Oliveira
22h, Dejinha de Monteiro
Dia 25 (domingo)
Largo da Gameleira
17h, Raizes do Nordeste
Parque Solon de Lucena
17h, Swing Nordestino

São João Sanharó (PE) – Programação 2017


O forró será a tônica do São João de Sanharó este ano, segundo informou a prefeitura municipal, que organiza o evento. Com a intenção de resgatar as raízes locais, o São João da cidade, localizada no Agreste de Pernambuco, ocorrerá de 10 a 25 de junho.

Na programação, o município receberá artistas como Gabriel Diniz, Jonas Esticado, Luan Estilizado, Solteirões do Forró, Calango Aceso e JS Santos. Os detalhes da agenda de shows serão divulgados em breve pela prefeitura de Sanharó.

Conhecida pela produção de queijo e de leite, Sanharó também realiza festas de vaquejada, rodeio e concurso leiteiro ao longo do ano. Tradicionalmente no mês de junho acontecia a Festa do Curral, mas a redação não localizou informações sobre o evento este ano.

A cidade de Sanharó fica no interior pernambucano, a 196 km de Recife. O local conta com quase 25 mil habitantes (Censo de 2014). O turismo também é importante no município e reúne muitas pessoas com as vaquejadas e o São João.

Programação oficial São João Arcoverde 2017




POLO MULTICULTURAL (Praça da Bandeira)

17 SÁBADO
21h JUNINA PORTAL DO SERTÃO
22h ABERTURA OFICIAL PELA PREFEITA E HOMENAGEM AS RAINHAS DO REISADO – APRESENTAÇÃO DO REISADO DE CARAÍBAS
23h FULÔ DE MANDACARÚ
01h GABRIEL DINIZ

18 DOMINGO
20h MAZINHO DE ARCOVERDE
22h JORGE DE ALTINHO

19 SEGUNDA
ELIMINATÓRIA DO 1º FESTIVAL DE QUADRILHAS JUNINAS CAPITAL DO SÃO JOÃO

20 TERÇA
20h FORRÓ PEGADA TOP
22h WALQUIRIA SANTOS
00h FARRA DOS 600

21 QUARTA
20h GEORGE SILVA E OS PARICEIROS
22h BATISTA LIMA

22 QUINTA
20h VALDINHO PAES
22h JOÃO VICTOR

23 SEXTA
21h GRUPOS DE COCO E TEASER DO DOCUMENTÁRIO SOBRE SAMBA DE COCO DE FÁBIO ASSUNÇÃO E PALLY SIQUEIRA
23h LENINE
01h HARRY ESTIGADO

24 SÁBADO
21h YCARO & VITÓRIO
23h ALCEU VALENÇA
01h SOLEIRÕES DO FORRÓ

25 DOMINGO
22h MACIEL MELO
00h AVIÕES DO FORRÓ

26 SEGUNDA
FINAL DO 1º FESTIVAL DE QUADRILHAS JUNINAS CAPITAL DO SÃO JOÃO

27 TERÇA
20h WAGNER CARVALHO
22h DORGIVAL DANTAS
00h NANARA BELO & SANTA DOSE

28 QUARTA
21h JUNINA PORTAL DO SERTÃO
22h CARLOS & FABIO
00h LUAN SANTANA

POLO DA POESIA
Cícero do Acordeon
Quebra Coco Aliança
Cantigas e Cantinelas
Tempero Nordestino
Contadores de História
Chico Arruda
Forró Cintura de Pilão
Lenadro Vaz, Noé Lira e Outras Falas
Trio Chão Caboclo
E MUITO MAIS

POLO DAS ARTES
Reisado das Caraíbas
Forró de candeeiro
Maracatu Baque Mulher
Helton Moura
Ju Vieira e Luna Vitrolira
Johsi Guimarães
Tonino Arcoverde
Pablo patriota
Sertão Maracatu
Vertin Moura
E MUITO MAIS

POLO ESTAÇÃO DA CULTURA
Oficinas
Mobilidade Pernas de Pau
Vivência Grafite
Oficina de Percussão
Roda de Capoeira
Danças Populares
Instrumentos Reciclados
Espetáculos Teatrais
Autos dos Bois e Ursos
Exposições
Arraiá da Burra / Garagem
E MUITO MAIS

POLO RAÍZES DO COCO
Coco Trupé
Maciel Salu
Coco Raízes de Arcoverde
Clayton Barros
Irmãs Lopes
Academia da Berlinda
Siba
Fim de Feira
Encanto e Poesia
E MUITO MAIS

POLO PÉ DE SERRA
EM PARCERIA COM O SESC COMO
MUITO FORRÓ PÉ DE SERRA!
POLO VILA RIO BRANCO (vila temática)
Banda de Pífano do Mestre Batista
Quadrilhas Juninas Mulambembes em Perna de Pau
Teatro de Rua
Cortejos com as troças da Folia dos Bois, maracatus, bonecos e apresentações de quadrilhas juninas e performances culturais em geral...

PONTOS DE ANIMAÇÃO
 DIAS 23 E 24
Atrações culturais itinerantes com a Caminhada do Forró.

Secretário de agricultura Nilton Mota realiza balanço da operação no município de Palmares.


O secretário de agricultura Nilton Mota, participou nesta quarta feira,31 de programa na Rádio Nova Quilombo FM, em Palmares, realizando um balanço das operações no município. Após a instalação do escritório do Governo do Estado, com o objetivo  para dar assistência e  apoio ao prefeito Altair Júnior, de modo que possa contribuir com o retorno da normalidade , tendo em vista a realidade que o município se encontra.


Vacinação contra a febre aftosa termina nesta quarta-feira (31)


O criador de bovinos e búfalos tem até esta quarta-feira (31) para vacinar animais com idade de um dia a 24 meses contra a febre aftosa no Estado de São Paulo. A imunização do rebanho paulista chegou a 64% nesta segunda-feira (29), de acordo com a Coordenadoria de Defesa Agropecuária, da Secretaria Estadual de Agricultura e Abastecimento.

Ao todo, devem receber a dose 4,6 milhões de cabeças. Mais de 110 mil propriedades estão cadastradas no Sistema de Gestão de Defesa Animal e Vegetal para participar de campanhas de vacinação. Segundo o último balanço, 49 mil propriedades ainda não concretizaram o procedimento, que é obrigatório.

“Os criadores podem declarar a vacinação, pela internet, até 7 de junho, mas precisam realizar a vacinação até 31 de maio. Isso é importante para que os responsáveis fiquem em dia com o calendário de imunização estabelecido pela legislação e os animais estejam protegidos”, explica Fernando Buchala, coordenador da Defesa Agropecuária.

O representante da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado destaca, ainda, que o pecuarista deve declarar todo o rebanho bovídeo (bois, vacas, carneiros, ovelhas, bodes e cabras), e não apenas os que foram vacinados. O criador também precisa listar todos os animais de outras espécies existentes na propriedade, inclusive as aves.

O criador que deixar de imunizar bovinos e búfalos está sujeito à multa de R$ 125,35 por cabeça, enquanto quem não comunicar a imunização à Defesa Agropecuária terá que desembolsar R$ 75,21 por animal.

Cidade estava há três anos sem abastecimento pela rede de distribuição


No Agreste, as chuvas continuam a elevar os níveis das barragens e contribuem para melhorias no abastecimento de água de mais cidades da região. Depois de três anos em colapso, o sistema de abastecimento da cidade de Pesqueira vai voltar a operar na próxima semana. Os três mananciais que fornecem água para cidade, as barragens de Santana, Pedra D'água e Afetos, estão com 30%, 50% e 20% da capacidade de reservação, respectivamente. No momento, a Compesa executa serviços de manutenção e ajustes nas adutoras e Estação de Tratamento de Água (ETA) para colocar o sistema para funcionar. Caso não chova mais na região, o volume de água acumulado nas barragens garante o abastecimento da população de Pesqueira nos próximos dois meses.

A Compesa está se preparando para retomar a operação do sistema de Pesqueira. “Já está sendo elaborado um  calendário de abastecimento para a cidade, que será divulgado em breve” informa o gerente de Unidade de Negócios da Compesa, Gilvandro Tito. Em São Caitano, também choveu nas bacias hidrográficas das barragens de Brejo do Buraco, Brejo dos Coelhos e Taquara. Os mananciais integram o sistema de abastecimento de água de São Caetano, que estava há um ano em colapso. A companhia trabalha para restabelecer o funcionamento do sistema até a próxima semana.

A Barragem de Brejão, localizada no município de Sairé, responsável pelo abastecimento da cidade de Bezerros,  estava com 1% de sua capacidade no mês de abril, e com as últimas chuvas,  saiu da situação de colapso. Hoje registra  50% de acumulação, o que corresponde a 800 mil metros cúbicos de água. Com esse volume de água, Brejão  já voltou a atendeu a cidade.

A Barragem de Santa Rita, que fornece água para as cidades de Jupi e Calçado, localizadas no Agreste Meridional, também foi beneficiada com as chuvas. Agora registra 50% da sua capacidade total, ou seja, está com 300 mil metros cúbicos de água. Como o sistema de abastecimento de água integrado estava inoperante há quatro anos, é necessário que se faça uma manutenção antes de retornar o funcionamento da distribuição de água para as duas cidades, o que deve acontecer até a próxima semana. Somente a cidade de Calçado já estava sendo abastecida pelo sistema da Barragem de Pau Ferro.

Em Palmares, moradores disputam comida estragada por lama da chuva


Em meio ao alagamento provocado pela enchente do Rio Una, em Palmares, na Mata Sul de Pernambuco, moradores disputaram comida estragada para garantir suprimentos. A situação aconteceu na segunda-feira (29), quando as águas baixaram e supermercados da cidade jogaram fora alimentos que foram atingidos pela enchente. O município é um dos 24 afetados pelas fortes chuvas do fim de semana e está entre as cidades que o governo do Estado decretou situação de emergência.

Situação semelhante ocorreu na enchente de 2010, quando a cidade passou por outra grande cheia. Na segunda, dezenas de pessoas disputam comida descartada pelo supermercado como lixo. Moradores levaram o que podiam como sacos de feijão, arroz, macarrão e leite, que estavam misturados em meio a água e lama. Distrito de Santo Antônio está isolado e uma ponte de quase 15 metros caiu no Engenho Milão. O prefeito de Palmares, Altair Júnior (PMDB), esteve com o governador Paulo Câmara e entregou um ofício solicitando mais de 20 itens.

“É uma ponte muito cara. O município não vai ter condições de fazer isso. Vai precisar do estado, mas temos que ter um paliativo de imediato. Fazer uma ponte de madeira, fazer alguma coisa lá. Mandamos uma equipe para ver o que a população está precisando. Água, alimentação”, pontuou o prefeito.

Fonte : G1

Organização e fãs acusam cantor Bruno de se apresentar bêbado.


O cantor #Bruno, da dupla com Marrone, se envolveu, em mais uma grande polêmica durante o show na cidade de Pato de Minas. Ele foi acusado pelo fãs, e também pela produção do evento de ter se apresentado completamente embriagado.

A dupla sertaneja foi contratada para a comemoração da festa “Fenamilho”, conhecida naquela região como a festa do milho. O show aconteceu sábado (27), porém, alguns fãs e até mesmo os contratantes da dupla, teriam reclamado da postura da primeira voz da dupla. Segundo relatos do público, Bruno, estava bêbado durante todo o show. Por várias vezes, ele deixou o palco e deixou Marrone se apresentando sozinho.

Os vídeos da festa que mostra nitidamente a situação do cantor e sua postura com seu companheiro de palco circularam rapidamente pela internet na noite de segunda-feira (29). As críticas tomaram conta das redes sociais.

A maioria dos internautas não gostaram da atitude do cantor e fizeram vários comentários negativos na página no Instagram da dupla, “Só uma pergunta: Ainda sobrou cachaça?”, “Vergonha nacional”, “Parabéns Marrone pela sua postura no palco”, ironizou um fã. “O comportamento de Bruno foi desrespeitoso com o público”, completou outro.

Com toda essa polêmica, o Sindicato dos Produtores Rurais de #Patos de Minas disse que vão lançar uma nota de repúdio ao ocorrido com a dupla. Os dirigentes do Sindicato ainda avaliam se irão solicitar ou não ressarcimento do valor pago pelo show.No vídeo que rola na internet, é possível ver Bruno pedindo mais bebida aos seus produtores. Além disso, ele insistiu em algumas brincadeiras com seu músicos e forçou Marrone a beber um pouco. Marrone não demonstrou não estar satisfeito com o cantor e pediu que os fãs o ajudassem a cantar, uma vez que Bruno não estava o ajudando.

Essa situação pegou de surpresa muitos fãs da dupla. Em anos de carreira, essa é a primeira vez que o visto bêbado nos palcos, no entanto, será uma cena difícil dos fãs esquecerem.


Devido à repercussão em cima do caso, Bruno gravou um vídeo na tarde de hoje se desculpando com os fãs. Ele disse que é muito forte para beber e o que pode ter causada a embriaguez foi algumas remédios que ele tem tomado. "E o show foi mais cedo, não deu tempo do remédio sair do meu organismo”, explica ele. Bruno encerrou o vídeo prometendo aos fãs de Pato de Minas que retornará à cidade para fazer um show "daqueles".

Governador Paulo Câmara e o secretário Nilton Mota visitam cidades atingidas pelas chuvas

terça-feira, 30 de maio de 2017


Para acompanhar de perto a situação das cidades da Mata Sul mais afetadas pelas fortes chuvas dos últimos dias, o governador de Pernambuco Paulo Câmara visitou, nesta segunda-feira (29), os municípios de Barreiros, Belém de Maria e Palmares, no interior do estado. Em conversa com os moradores e políticos da região o socialista afirmou que, com a diminuição das chuvas, a prioridade agora é restabelecimento dos principais serviços nesses municípios. ''Nesse momento, o que nós queremos e temos que fazer de imediato é restabelecer os serviços de água e energia, e ajudar na limpeza das cidades e na remoção dos entulhos'', disse o governador.  Paulo Câmara ressaltou ainda que parcerias com os municípios estão sendo reforçadas para oferecer toda a assistência necessária à população prejudicada. 

De acordo com o gestor estadual, um conjunto assistencial com colchões, água e alimentos de pronto consumo, medicamentos está sendo enviado aos municípios. ''Vi  de perto a destruição, e o nosso esforço precisa ser redobrado a partir de agora, principalmente  na questão humanitária'', afirmou Paulo Câmara.   Diante da difícil situação, o prefeito de Palmares, Altair Junior, explicou sobre os trabalhos desenvolvidos no município e as ações que estão sendo feitas para auxiliar a população. "Desde ontem, nós estamos com equipes da Defesa Civil acompanhando a situação, tirando as pessoas das áreas de risco, que são as partes mais baixas da cidade, como os bairros Santo Onofre, Pedreiras e Cohab I, além do centro comercial. Hoje, começamos a operação limpeza, e vamos continuar trabalhando", detalhou ele.   

Altair Junior disse ainda que toda a equipe municipal está empenhada em oferecer  a assistência necessária aos desabrigados. "Temos várias pessoas abrigadas em escolas locais, recebendo alimentação, colchão e assistência médica. A nossa maior dificuldade, nesse momento, é chegar nas áreas rurais, fazendo esse levantamento para saber quantas pessoas da Zona Rural estão precisando de abrigo", enfatizou o prefeito.

Além da foto, é preciso ajuda objetiva”, diz Danilo Cabral ao cobrar recursos para barragens


Em discurso na Câmara dos Deputados, Danilo Cabral (PSB-PE) cobrou ao governo federal a liberação dos recursos para a conclusão das quatro barragens – Panelas, Gatos, Igarapeba e Barra de Guabiraba – na Mata Sul. Essas obras resolverão o problema das cheias na Mata Sul, que em sete anos sofreu por duas vezes com chuvas fortes que provocaram estragos nos municípios da região. O parlamentar destacou a visita do presidente Michel Temer a Pernambuco no último domingo (28). “Há necessidade de além da foto e da fala, termos uma ajuda objetiva do governo federal, que libere quase R$ 300 milhões necessários para concluir as barragens”, afirmou.

 O deputado lembrou que, depois das enchentes de 2010, assim como neste ano, foi feito um grande esforço do governo de Pernambuco para atender a população vítima das cheias e adotar medidas preventivas. “Foram construídas 15 mil casas e seis hospitais e 30 escolas foram reconstruídos. Mas, infelizmente, uma tarefa importante não foi feita por completo: a construção de cinco barragens de contenção dos rios que provocaram essas enchentes, porque o fluxo financeiro não foi executado pelo governo federal”, discursou Danilo Cabral.

 Apenas uma das cinco barragens, a de Serro Azul, foi finalizada e impediu que o desastre fosse ainda maior. “Ela custou R$ 500 milhões, sendo R$ 300 milhões de recursos do governo do estado. Das quatro barragens inconclusas, as de Gatos e Panelas foram paralisadas ainda no governo Dilma Rousseff. As outras duas, Igarapeba e Barra de Guabirada, durante o governo Temer. Segundo dados do governo de Pernambuco, são necessários R$ 383 milhões para terminar as obras.

 No último fim de semana, em algumas cidades da Mata Sul choveu cerca de 300 milímetros, que corresponde a três ou quatro vezes a média de um mês nessa região. Em decorrência das fortes chuvas, 15 municípios estão em estado de calamidade, com 2,6 mil pessoas desabrigadas e 42 mil desalojadas. Além disso, 11 sistemas de abastecimento d’água tiveram as operações suspensas, 15 escolas foram danificadas e dois hospitais estão parados. “O governo Paulo Câmara vem adotando todas as medidas para devolver a normalidade à vida das pessoas”, finalizou.






Vice-prefeito de Surubim conversa com esse blog e esclarece polêmicas.

                                                             Foto : Fábio Cabral

Em conversa com esse blog, o Vice-prefeito Guilherme Nóbrega, esclarece que não há arestas na relação com o governo Ana Célia. Pelo contrário, ele disse: "... estamos juntos nessa luta, em meio a toda essa crise econômica, para termos uma grande gestão, mais sensível e mais próxima do povo".
O blog indagou sobre um áudio que circula nas redes sociais, onde houve supostas críticas ao governo. Em resposta, o Vice-prefeito afirma que: " há críticas sim, mas críticas construtivas de quem tem o zelo, o respeito e confiança no potencial da gestão...". Acrescenta ainda, "...que há uma tentativa desesperada de desestruturar o governo, mas que isso faz parte de pessoas que não querem o bem da nossa cidade".

No final de sua fala, Guilherme afirma que acredita no governo, que obras estruturadoras virão e que ele estará à disposição para ajudar todo grupo e juntos darem a Surubim o carinho, o trabalho e a responsabilidade social que o povo merece.

Chuvas provocam a paralisação dos sistemas do Prata e Pirangi.Também aumentam volume da Barragem do Prata

segunda-feira, 29 de maio de 2017


A Compesa informa que devido às fortes chuvas na região de Caruaru, desde a tarde deste sábado, 27, os sistemas de abastecimento do Prata e do Pirangi estão sem condições de funcionamento.Os técnicos da companhia acreditam que houve alguma pane elétrica e estão em contato com a Celpe para resolver o problema com a máxima brevidade. Equipes também foram enviadas ao local, mas a locomoção para as áreas onde ficam localizados os sistemas de bombeamento está difícil por conta da dificuldade de acesso.Por isso, ainda não há previsão de retorno da operação dos sistemas e regularização do abastecimento em Caruaru, Altinho, Ibirajuba, Cachoeirinha, Agrestina e Santa Cruz do Capibaribe.

A boa notícia é que a barragem do Prata recuperou 15% de sua capacidade com as chuvas desta semana.Somente de ontem pra hoje, a barragem, localizada em Bonito, recuperou 12%. Hoje, o Prata está com cerca de 10 milhões de metros cúbicos da sua capacidade total, que é de 42 milhões de metros cúbicos. Apesar do volume de acúmulo, a Compesa adianta que ainda é muito cedo falar em mudança de calendário nas cidades atendidas por esses sistemas. Estudos serão realizados para que a água disponível possa chegar com tranquilidade até o próximo inverno.

Gravatá em alerta por causa das chuvas


Com o aumento do nível do Rio Ipojuca, provocado pelas fortes chuvas das últimas 48 horas, a Prefeitura de Gravatá entrou em estado de alerta. Algumas casas das áreas ribeirinhas do município já foram atingidas pelas águas.

Desde esta madrugada deste domingo (28), a prefeitura, a Secretaria de Defesa Civil e a Guarda Municipal estão monitorando o nível da água e tomando as devidas providências.

O prefeito Joaquim Neto (PSDB) pediu que a população fique atenta nas próximas horas, ao mesmo tempo que pede tranquilidade.

“Até o momento não há motivo para pânico, não há sangramento em barragens, portanto o nível não deve subir mais do que está agora”, afirmou o gestor.

O município vem realizando um trabalho há alguns meses, como a retirada de baronesas do rio e limpeza dos canais, tem um impacto muito positivo diante deste cenário, que poderia causar entupimentos e atrapalhar o escoamento da água, caso não tivessem sido feitas as limpezas.

Como medida preventiva, famílias ribeirinhas estão sendo encaminhadas para algumas escolas municipais, o que lhes oferece maior segurança.

O prefeito reuniu-se com todo o secretariado municipal para alinhar as ações e promover a cobertura completa, com todos os serviços necessários que a população necessita neste momento. Equipes de todas as secretarias estão de plantão neste domingo.

Fonte;Folha de Pernambuco

Mais uma filha de Silvio Santos deverá ganhar espaço nas telinhas do SBT. Rebeca Abravanel namorada do cineasta pernambucano Marcelo Brennand, foi bem avaliada nos dias que passou apresentando o programa infantil "Bom dia e cia" enquanto a irmã Silvia Abravanel estava internada. Resultado disso, ela passa a assumir o programa "Roda a Roda" já a partir do dia 5 de junho, porém segundo o colunista Flávio Ricco, uma nova oportunidade com um programa especial para a moça já está sendo preparada. Dizem na emissora que o projeto de Silvio é entregar aos poucos toda a emissora para as filhas.

Fonte;Folha de Pernambuco

Temer: Pernambuco terá R$ 600 milhões para obras preventivas


Em visita a Pernambuco, neste domingo (28), o presidente Michel Temer anunciou que "se compromete" a agilizar a liberação de R$ 600 milhões para o Estado, via empréstimo do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para conclusão de obras preventivas de convivência com fortes chuvas, como as que atingiram municípios pernambucanos neste fim de semana.

"Nós nos comprometemos a levar adiante, mais uma vez, as obras de caráter preventivo. O financiamento já está aprovado pela Secretaria do Tesouro Nacional. Comprometi-me com o governador a providenciar a liberação desse empréstimo", disse o presidente à Imprensa.

Leia Mais:
Temer chega ao Palácio do Campo das Princesas

O governador Paulo Câmara disse que o Governo do Estado trabalha com um prazo estimado de 48 horas para elaborar plano de ação e ter uma dimensão da ajuda emergencial que precisará ter do Governo Federal. "As ações envolvem questões humanitárias, de salvamento. Está disponibilizada parte das Forças Armadas para resgate de pessoas, o Governo Federal se comprometem também a montar um hospital campana para a questão da Mata Sul, principalmente em Rio Formoso, onde o hospital foi destruído. O dia a dia vai dizer o quantitativo dessas medidas e o volume", diz Câmara.

Fonte;Folha de Pernambuco

Celpe e Compesa trabalham juntas para restabelecer sistema Pirapama


“O abastecimento de água deve retornar por volta das 18 horas de hoje [segunda, 29]” afirmou o diretor técnico da Companhia Pernambucana de Saneamento (Compesa), Rômulo Souza. Desde sábado (27) a estação Pirapama, o maior sistema de abastecimento de Pernambuco, está sem funcionar por conta de um curto circuito no sistema elétrico. Cerca de um milhão e meio de pessoas em Recife, Jaboatão dos Guararapes e Cabo de Santo Agostinho, na Região Metropolitana, estão sem água.

“Temos técnicos trabalhando 36 horas sem parar, em sistema de troca de turnos, para consertar a situação em Pirapama. Cerca de um quilômetro de fios elétricos teve que ser substituído por conta do problema. Nós realizamos essa ação junto com a Celpe”, explicou Rômulo. A finalização do conserto está prevista para as 14h desta segunda.

A previsão é que a população atingida pela falta d’água tenha o abastecimento totalmente restaurado. Rômulo ressalta que os locais que possuem sistema de rodízio de distribuição de água continuarão com o mesmo esquema.

Fonte;Folha de Pernambuco

Estradas de Pernambuco ainda têm pontos de alagamento


As estradas de Pernambuco ainda sofrem as consequências das chuvas ocorridas no fim de semana. Na manhã desta segunda-feira (29), a recomendação da Polícia Rodoviária Federal (PRF) era de que as pessoas evitassem as rodovias que levam à Zona da Mata Sul. 

Na Mata Sul, segundo a PRF, uma barreira deslizou em Palmares, mas sem obstruir totalmente a via. Em Ribeirão, a água já baixou, mas ainda há areia na pista, decorrente de deslizamento de barreiras, mas o Departamento Nacional Infraestrutura de Transportes (DNIT) já providencia a limpeza da via. No quilômetro 152, a pista já não está mais com água.

Ainda há pontos de alagamento na BR 232 nos quilômetros 112, em Bezerros, 119 e 120 em Caruaru, segundo a PRF. A BR 104 não possui registro de interdição. O Batalhão da Policia Rodoviária informou sobre um alagamento que está interrompendo o trânsito nas rodovias estaduais e dificultando a passagem de carros grandes: PE- 60, PE - 46 ,PE - 73, PE- 96 e PE - 120. 

Capital
No Recife, apesar da água, a Companhia de Trânsito e Transporte (CTTU) informou que o trânsito está fluindo bem, sem grandes atrasos, somente um pouco mais lento na avenida Mascarenhas de Morais, próximo ao Aeroporto Internacional do Recife/Guararapes - Gilberto Freyre, localizada no bairro da Imbiribeira, e na avenida Dois Rios.

Fonte;Folha de Pernambuco

Chuvas em Pernambuco deixam 35 mil desabrigados


O secretário executivo da Defesa Civil do Estado, tenente coronel Fábio Rosendo, afirmou nesta segunda-feira (29) que o número de municípios em situação de emergência é muito volátil em Pernambuco. Foi anunciado no início do dia que havia 15 deles em estado de emergência, mas, por volta das 10h, o número mudou para 14. Uma equipe da Defesa Civil foi enviada a Gravatá, no Agreste, que pode aumentar essa lista.

Decretaram emergência até agora: Água Preta, Amaragi, Barra de Guabiraba, Barreiros, Belém de Maria, Catende, Cortês, Gameleira, Jaqueira, Marial, Palmares, Ribeirão, Rio Formoso, São Benedito do Sul.

O número de desabrigados e desalojados também vai mudando de acordo com a chegada das equipes da Defesa Civil. às 11h já eram 35 mil. Essas pessoas estão sendo orientadas a se abrigar em escolas municipais e estaduais de cada cidade. O coronel não tem número de abrigos ainda. Sugere também que as pessoas recorram a parentes e vizinhos em melhor situação. O coronel Fábio Rosendo disse que há duas mortes confirmadas, registradas em Lagoa dos Gatos, que não está na lista das cidades em emergência.

De acordo com a Agência Pernambucana de Águas e Chuvas (Apac), as enchentes que ocorreram neste fim de semana (27 e 28) poderiam ter sido amenizadas se tivesse sido concluído em tempo o projeto de construção de quatro barragens depois das enchentes de 2010, que atingiram 68 municípios na região da Mata Sul.

Saiba como ajudar as vítimas das chuvas

Destas obras, apenas a barragem Serra Azul, no rio Una, foi concluída. As outras três barragens, que deveriam conter as enchentes do rio Panelas, riacho dos Gatos e Pirangi, não. O rio Una, na altura do município de Barreiros, Mata Sul do Estado, está há um metro de transbordamento. Ele corta o centro de Barreiros, e a área está em estado de emergência com o risco de inundação.

A previsão da Apac para esta segunda-feira (29) na Zona da Mata Sul é de tempo nublado com chuvas rápidas ao longo do dia, de intensidade moderada a forte. A quantidade exorbitante de chuvas não era esperada pela previsão da Apac. A população teme que a tragédia que começou neste fim de semana tenha um impacto ainda maior do que a de 2010.

Ajuda
Em visita a Pernambuco, neste domingo (28), o presidente Michel Temer anunciou que "se compromete" a agilizar a liberação de R$ 600 milhões para o Estado, via empréstimo do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para conclusão de obras preventivas de convivência com chuvas fortes.

Já o governador Paulo Câmara anunciou na tarde deste domingo (28) uma série de medidas em virtude das fortes chuvas que caem no Estado nas últimas 48 horas. A principal delas foi a decretação de estado de calamidade nos 13 municípios da Mata Sul: Amaraji, Água Preta, Barra de Guabiraba, Belém de Maria, Catende, Cortes, Jaqueira, Maraial, Palmares, Ribeirão, Rio Formoso, São Benedito, e Barreiros.

"Para terem ideia da gravidade dessas chuvas, aquela de 2010 que trouxe tanta destruição nas cidades da Mata Sul, elas em três dias corresponderam a 180 mm. Essa que se iniciou na sexta-feira em dois dias já atingiu 140 mm", ressaltou o governador. Foi ainda ressaltada a importância da barragem Serro Azul, que evitou um cenário pior.

Veja as medidas anunciadas pelo governador Paulo Câmara:

1. Instalação de Gabinete de Crise Central, no Palácio do Campo das Princesas
2. Emissão regular de alertas de chuvas e variação dos níveis dos rios
3. Deslocamento de 2 aeronaves sobrevoando às áreas atingidas
4. Convocação de todo o efetivo do Corpo de Bombeiros, Defesa Civil e PM para força tarefa nos municípios atingidos
5. Deslocamento de 3 equipes de saúde para a Mata Sul
6. Disponibilização de prédios para servir de abrigos
7. Ativação de escritórios do governo nos municípios atingidos, com efetivos da Defesa Civil, Bombeiros e Secretarias Estaduais
8. Publicação de Decreto de Calamidade nos municípios atingidos
9. Envio de Colchões, lençóis, cobertores, travesseiros, fronhas e lonas plásticas
10. Levantamento da situação dos acessos e estradas, através de equipes de engenheiros do DER e Sechab

Idosos da Casa dos Pobres seguem hospedados no Seminário em Caruaru


Os idosos da Casa dos Pobres São Francisco de Assis estão no Seminário Interdiocesano Nossa Senhora das Dores em Caruaru, no Agreste de Pernambuco. De acordo com o administrador do seminário, padre Alexsandro Jorge, 94 idosos estão hospedados nos 30 quartos e em salões que são usados pelos seminaristas. Dois em estado de saúde mais crítico foram levados a uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Segundo o administrador, eles foram transferidos de forma emergencial entre o sábado (27) e o domingo (28). O padre Alexsandro reforça que as doações foram suficientes e que tudo que for recebido a partir de agora será direcionado para pessoas que estão precisando de ajuda. Ele lembra que as doações devem ser entregues na prefeitura de Caruaru.

Os móveis da Casa dos Pobres não foram afetados pelas chuvas e os idosos foram transferidos por precaução, mas não há previsão para que eles voltem para o local. Os seminaristas estão em um novo prédio dentro do mesmo complexo.Os móveis da Casa dos Pobres não foram afetados pelas chuvas e os idosos foram transferidos por precaução, mas não há previsão para que eles voltem para o local. Os seminaristas estão em um novo prédio dentro do mesmo complexo.

Fonte;G1

Prefeita Raquel Lyra decreta situação de emergência em Caruaru


A prefeita de Caruaru, no Agreste de Pernambuco, Raquel Lyra (PSDB), decretou no início da noite deste domingo (28) situação de emergência no município, devido as fortes chuvas que resultaram em inundações, enxurradas, alagamentos e deslizamentos.

De acordo com o decreto publicado no Diário Oficial, foram registrados danos em estruturas físicas das unidades de saúde. O parecer foi dado pela Autarquia Municipal de Defesa Social, Trânsito e Transportes (Destra). O decreto autoriza a mobilização de todos os órgãos municipais e a convocação de voluntários para reforçar as ações.

Fonte;G1

Criança de 3 anos morre afogada em barreiro na zona rural de Caruaru



Uma criança de três anos morreu afogada em um barreiro na zona rural de Caruaru, no Agreste de Pernambuco. A informação foi confirmada pelo Instituto de Medicina Legal (IML). O caso ocorreu no domingo (28).

O menino chegou a ser levado para o Hospital Regional do Agreste (HRA), mas não resistiu e morreu na unidade de saúde. O G1 entrou em contato com o Corpo de Bombeiros, mas eles não foram chamados para atender a ocorrência.

Até o momento, não há informações de como o acidente ocorreu.

Fonte;G1

Agricultor é morto com golpes de arma branca em Buíque


Um agricultor de 30 anos foi morto com vários golpes de arma branca na noite do domingo (28) em Buíque, no Agreste de Pernambuco.

De acordo com informações da PM, o agricultor apresentava ferimentos na nádega, nas costas, no queixo, no ombro esquerdo e na bochecha. Motivação e autoria do crime ainda não foram identificadas pela polícia.

Fonte;G1

Governo de Pernambuco decreta Calamidade em 14 municípios da Mata Sul e instala Gabinete de Crise para planejar ações emergenciais




Após o grande volume de chuva que atingiu municípios do Agreste e da Zona da Mata Sul de Pernambuco, o governador Paulo Câmara reuniu, na manhã deste domingo (28.05), no Palácio do Campo das Princesas, o secretariado e as forças operativas para monitorar a situação e planejar  as diretrizes no esforço de conter os impactos das enchentes dos municípios afetados. Diante da situação, o gestor estadual decretou, por meio de publicação em edição extraordinária do Diário Oficial,Calamidade em 14 cidades e a instalação, em cada um dos municípios, de gabinete de crise. São eles: Belém de Maria, Palmares, Amaraji, Maraial, Ribeirão, Cortês, Barra de Guabiraba, Gameleira, São Benedito do Sul, Rio Formoso, Catende, Água Preta, Jaqueira e Barreiros.

“Estamos imbuídos de realizar o monitoramento em tempo integral das cidades atingidas pelas chuvas. Vamos tomar as medidas necessárias para que os prejuízos e o sofrimento da população sejam minimizados com o trabalho que já está iniciado e com o que estamos planejando. O gabinete de crise está sendo instalado nas 13 cidades em estado de Calamidade para dar as respostas e os alertas necessários a toda a população atingida”, afirmou o governador Paulo Câmara, que sobrevoou, à tarde, as principais atingidas. 


O gabinete de crise é um local que conta com o apoio da Defesa Civil, do Corpo de Bombeiros e de todas as equipes do Governo do Estado, visando concentrar as demandas dos municípios de forma a desburocratizar o atendimento aos moradores. “É um escritório para concentrar demandas que serão reportadas ao Recife para que as secretarias responsáveis proponham diagnósticos e soluções sob o comando do governador Paulo Câmara”, esclareceu o secretário de Planejamento e Gestão, Márcio Stefanni.

Paulo também afirmou que 200 homens já foram enviados para os municípios, tanto do Corpo de Bombeiros, quanto da Defesa Civil do Estado e que irão se juntar às corporações municipais. “Os 200 homens vão continuar na região da Mata Sul enquanto for necessário. Caso seja preciso deslocar mais militares, isso será feito ao longo das avaliações, que serão permanentes”, afirmou.

O trabalho humanitário também já está sendo realizado com a entrega de mantimentos nos municípios. “A Codecipe (Coordenadoria de Defesa Civil do Estado de Pernambuco) já enviou dois caminhões com colchão, lençol, travesseiros, fronhas. Também estamos enviando lonas plásticas, que são bastante demandadas em momentos como esse”, ressaltou. Os kits de alimentação, conforme informou Paulo, serão remetidos para os municípios tão longo fiquem prontos.

Ainda entre as ações que estão sendo realizadas, está o monitoramento de todos os reservatórios por meio da Companhia Pernambucana de Abastecimento (Compesa), para avaliar a necessidade de abertura ou não de comportas; o deslocamento de duas aeronaves sobrevoando as áreas de risco; o levantamento da situação dos acessos e estradas, através de engenheiros do Departamento de Estradas e Rodagens de Pernambuco (DER-PE) e secretaria de Habitação (Sechab); disponibilização de prédios públicos para servirem de abrigo; deslocamento de três equipes de saúde para a Mata Sul.

Em comparação com as fortes chuvas que ocorreram em 2010, atingindo grande parte da Mata Sul, Paulo pontuou que a situação atual é ainda mais grave. “A chuva de 2010, que trouxe tanta destruição, em três dias correspondeu a 180 milimetros (mm). As fortes chuvas que se iniciaram na última sexta-feira, já atingiram 140mm, ou seja, com mais intensidade”, comparou, ressaltando que, embora a situação atual seja mais grave, temos muitos equipamentos preservados, em virtude de planejamento e de preparação, tanto das informações meteorológicas quanto dos investimentos já realizados”.

SERRO AZUL - O governador destacou, ainda, que a construção da barragem de Serro Azul, localizada em Palmares, evitou estragos maiores. “O esforço de conclusão de Serro Azul já mostra alguns efeitos, junto com todo o trabalho da Operação Reconstrução de 2010. Temos, hoje, a preservação de casas, escolas e hospitais que já foram construídas em locais adequados para evitar um dano maior”, afirmou. A barragem de Serro Azul tem um reservatório com capacidade de acumulação de 303 milhões de metros cúbicos (m³) e, até agora, recebeu 48 milhões de m³.

APOIO – O Governo do Estado também solicitou apoio do Governo Federal, por meio dos ministérios da Cidade e da Defesa. Diante da situação de calamidade, o presidente da República, Michel Temer,  virá a Pernambuco. Para tanto, o governador Paulo Câmara está preparando o material que entende como fundamental e necessário para apresentar ao Governo Federal. " Um dos pontos é com relação aos recursos dos convênios já formalizados, para que possamos finalizar outras barragens e obras que precisam ser concluídas para evitar fatos como esse ocorram novamente”, afirmou Paulo Câmara.

Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página