Justin Trudeau diz que refugiados são bem-vindos no Canadá

domingo, 29 de janeiro de 2017

Diante do decreto de Donald Trump de restringir a imigração de cidadãos de sete países muçulmanos, o primeiro-ministro do Canadá, Justin Trudeau, reafirmou no Twitter a política de portas abertas de seu país.

“Àqueles que estão fugindo da perseguição, do terror e da guerra, o Canadá irá recebê-los, independentemente de sua fé. A diversidade é a nossa força”, diz a mensagem, republicada por mais de 300 mil pessoas.Um segundo tuíte mostra o premiê com uma criança refugiada, acompanhada dos dizeres “Bem-vinda ao Canadá”.Desde o início do governo de Trudeau, em 2015, o Canadá, cuja população é de 36 milhões, já recebeu quase 40 mil cidadãos refugiados, a maior parte vindos da Síria. As informações são do New York Times.

O programa conta com ampla aprovação popular. Os refugiados também estão representados na equipe do presidente. Ahmed Hussen, ministro da imigração do país, nasceu na Somália e chegou ao Canadá como um refugiado.

Não há sinais, porém, de que o Canadá deva oferecer asilo prioritário aos refugiados impedidos de entrar nos Estados Unidos, e a fila de imigrantes com expectativa de receber refúgio é longa.

Até o momento, Justin Trudeau evitou, como seus antecessores, criticar a administração Trump.
Últimas Postagens

Visualizações de página

Facebook