Dos atuais vereadores de Surubim, quatro podem não se eleger.‏

sexta-feira, 22 de julho de 2016

Em Surubim, a situação polícia presente anda meio conflitante, onde alguns vereadores já previam uma tempestade, que não era muito favorável para suas embarcações partidárias. Atualmente a câmara de vereadores da cidade e formada pelos seguintes representantes, Fabrício Brito, Fred Lafaiete, Bomba, Salatiel, Josafa, Lucio Fabrício, Véia de Aprígio, Paulo do INSS, Dr.Vava. Hulk e Arquimedes, esse último já declarou que não vai concorrer mais as eleições municipais, sobrando sua vaga, e depois que o projeto de lei foi aprovado o número de vereadores subiu de onze para treze, aprimorando as possibilidades daqueles que estão de forra, querendo mostrar suas novas ideologias.
Algum desses representantes em seu longo período representando o povo não destacou sem nome (projetos), mostrando que de fato foi eleito apenas no impulso da caravana, e que mesmo com esse mandato o, que se mais conseguiu em Surubim foi colocar nomes em ruas.
Tudo indica que dos atuais vereadores de Surubim 4 (quatro) não terá chances de se eleger deixando eles desesperados e prometendo absurdo então cuidado na hora da sua escolha. 

O vereador, por morar onde moram seus eleitores e viver o seu dia a dia junto deles, acompanha de perto os acontecimentos da vida da comunidade. Ele também exerce suas atividades profissionais nesse ambiente. Estando tão próximo, encontrando as pessoas, conversando com um e com outro, ele fica conhecendo as necessidades do povo. O vereador tem oportunidade de ouvir sugestões, reclamações e pedidos vindos das pessoas as mais variadas, desde as menos atuantes e informadas até as que sabem das coisas que não andam bem.Pergunte ao seu vereador a qual você votou nas eleições passadas, quais os projetos que o mesmo solicitou em Surubim e quais projetos ele tem para os próximos anos.

Obviamente, as generalizações são sempre equivocadas e por isso é certo ponderar que existem muitos candidatos sérios e comprometidos. No entanto, a história da política brasileira confirma a existência permanente de políticos de ocasião, oportunistas e de caráter duvidoso. Estes, na ânsia da realização de seu projeto pessoal de carreira política, acabam prometendo até mesmo fazer chover. Daí a necessidade do desenvolvimento de uma consciência política cada vez mais apurada e aguçada, pronta para descartar o voto nestes representantes e para confirmar o apoio aos que realmente desejam uma cidade melhor para todos.
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página