Exército vai atuar no combate ao Aedes Aegypti em Surubim

sábado, 5 de dezembro de 2015

Surubim será um dos 19 municípios do Estado que contará com a parceria do Exército Brasileiro no combate ao mosquito Aedes Aegypti. A informação foi divulgada nesta sexta-feira (4), durante uma reunião na Secretaria Estadual de Saúde (SES), no Recife.Os soldados estão sendo treinados e em seguida serão distribuídos para as cidades com maior incidência de casos de dengue e chikungunya, para auxiliar os agentes de combate à endemias, informa a secretaria.

Aqui no Agreste, além de Surubim, os militares vão atuar nos municípios de João Alfredo, Lagoa de Itaenga, Passira, Jataúba, Taquaritinga do Norte, Vertentes, Brejo da Madre de Deus e Iati. A expectativa é que o trabalho dure de três a seis meses. Nesta parceria, os municípios vão fornecer às equipes do Exército alimentação, combustível para os veículos e material de trabalho.“Ainda não temos o número exato de homens que virão, mas estamos à espera desse quantitativo para iniciarmos as atividades”, afirma o secretário municipal de Saúde, Izaldo Andrade.

O secretário aproveitou o encontro para cobrar explicações sobre os “carros fumacês”, que não foram enviados para o município, apesar dos pedidos formulados pela pasta. “Solicitamos o fumacê há muito tempo e não obtivemos resposta”, protestou. “A SES informou que está realizando um planejamento para a cessão desses veículos e que Surubim será uma das cidades atendidas pelo cronograma”, disse.
As ações de combate ao Aedes Aegypti foram intensificadas nas últimas semanas por causa do crescimento do número de casos das doenças provocadas pelo mosquito. Entre as principais atividades está realização de mutirões nos bairros e nas comunidades rurais.
Últimas Postagens

Visualizações de página

Facebook