Sport é goleado no Morumbi e se afasta do G4

sábado, 31 de outubro de 2015

E o tabu de nunca ter vencido a equipe do São Paulo jogando no Morumbi, em competições nacionais, permanece firme e forte para o Sport. Ontem, os comandados do técnico Paulo Roberto Falcão foram goleados pelos tricolores, por 3×0. Pior: além de ter acumulado nova derrota na competição, o time pernambucano não conseguiu exibir um futebol que deixasse o torcedor confiante na luta pelo G4 da Série A do Campeonato Brasileiro. Os gols da partida foram marcados por Paulo Henrique Ganso, Luís Fabiano e Michel Bastos.

A proximidade entre as equipes na tabela de classificação configurava a partida entre o São Paulo e Sport como decisão. E de fato, a vitória de uma das equipes deixaria o G4 mais próximo de um concorrente e afastaria um pouco mais a possibilidade do outro. O Leão não jogou como era o esperado. Com os desfalques de Diego Souza e Durval, a equipe teve problemas na defesa e no meio de campo. Sem transição e com pouca segurança, os paulistas tiveram pouca dificuldade em conquistar os três pontos.

O São Paulo não demorou a mostrar que o resultado iria ser construído de forma rápida. Logo aos 9 minutos, Wesley avançou pela meia direita e cruzou para dentro da área. Alexandre Pato acertou a bola de cabeça e fez balançar a trave de Danilo Fernandes. Pouco tempo depois, o placar acabou aberto. Aos 18, Wesley encarou a marcação na ponta direita e cruzou para a área rubro-negra. Ganso surgiu dentro da pequena área e mandou para as redes.

Com a desvantagem no placar, o Sport chegou a esboçar uma reação. Aos 33, Marlone cobrou falta da ponta esquerda. Após desvio, a bola sobrou para Matheus Ferraz. À queima-roupa, ele chuta fraco em cima de Denis, que fez a defesa. O gol desperdiçado acabou foi ainda mais lamentado antes do final do primeiro tempo. Aos 42, Alexandre Pato tabelou com Ganso e deixou Luis Fabiano na cara do gol. O centroavante não perdoou.

Na volta para o segundo tempo, o técnico Paulo Roberto Falcão mudou a equipe. O meia Régis entrou na vaga do apagado Maikon Leite. Um dos grandes pecados do Sport na partida foi a falta de criatividade no meio-campo. Mas o tiro de misericórdia do São Paulo também aconteceu de forma rápida e a vitória ficou ainda mais distante. Aos 18, Michel Bastos recebeu no bico da área, puxou a bola para o pé esquerdo e finalizou. A bola desviou em Ewerton Páscoa e enganou Danilo Fernandes.

Com o 3×0 garantido, naturalmente, o São Paulo resolveu esperar o Sport em seu campo de defesa. Com isso, algumas chances de perigo fora protagonizadas pelos leoninos. Perigo pouco, que mal fez o goleiro Dênis trabalhar. A derrota fez os pernambucanos ficaram a quatro pontos do G4 da competição.
Últimas Postagens

Visualizações de página

Facebook