PF investiga desvio de recursos em Limoeiro, Passira e Glória do Goitá

sexta-feira, 18 de setembro de 2015

Desde às 6h da manhã desta quinta-feira (17), a Operação Carona da Polícia Federal cumpre diversos mandados de busca e apreensão. Três prefeituras de Pernambuco estão sendo investigadas por processo de licitação fraudulento para contratar serviços de transporte escolar: Limoeiro e Passira , no Agreste, e Glória do Goitá, na Zona da Mata Norte.

A Operação Carona foi deflagrada para cumprir 15 mandados de busca e apreensão nas três cidades que estariam envolvidas e também no Recife, Carpina, na Mata Norte, Caruaru, no Agreste, e Serra Talhada, no Sertão.

O principal foco da ação são as empresas A.R Resendis e A.G Serviços, que teriam recebido de forma fraudulenta, nos últimos quatro anos, valores acima de R$ 50 milhões de reais.

Os mandados foram expedidos pelo Tribunal Regional Federal da 5ª Região e a operação é conduzida em conjunto pela PF, a Controladoria Geral da União (CGU) e a Delegacia de Repressão aos Crimes Financeiros e Desvio de Recursos Públicos.

De acordo com a PF, as investigações começaram em 2014. A informação inicial é de que, antes de haver a licitação, a empresa que prestaria o serviço de transporte escolar já estava escolhida.

De acordo com informações do repórter Gilmar Santos da Rádio Goitacaz, a PF arrombou a empresa de transporte Resende e apreendeu computadores e documentos em Glória do Goitá.

A Polícia Federal deve realizar uma coletiva de imprensa ao meio-dia desta quinta-feira para esclarecer detalhes da Operação.
Últimas Postagens

Visualizações de página

Facebook