PSB termina campanha presidencial com dívida de R$ 70

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Por pouco o PSB não conseguiu quitar todas as despesas da campanha presidencial deste ano. A dívida residual da campanha ficou em apenas R$ 69,75.

Ao longo de toda a campanha pelo Palácio do Planalto, o PSB gastou R$ 61.037.283,62 nas atividades de campanha e arrecadou R$ 61.037.213,87.

A maior parte dos recursos vieram de pessoas jurídicas. Foram R$ 41.228.298,28, ou 67,5% do total das receitas do partido.O principal gasto do PSB foi com a publicidade dos candidatos. Apenas para produzir os programas de rádio e TV, os socialistas gastaram R$ 15.932.640,00, ou 26% do total de gastos.

Para se ter uma ideia, o partido gastou apenas R$ 10.903.737,10 com material impresso; que representou ainda 17,9% de todas as despesas.

O PSB começou a campanha presidencial tendo como candidato o ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos. Após o falecimento dele, em um acidente aéreo no dia 13 de agosto, ele foi substituído na disputa pela ex-senadora Marina Silva (PSB).

Apesar de ter figurado à frente em algumas pesquisas de intenção de voto, Marina conquistou 22,1 milhões de eleitores, ou 21,32% dos votos válidos no primeiro turno.

Fonte :Blog do Jamildo
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página