Diz suspeito de mandar matar promotor em PE 'Dormi até em cemitério',

quarta-feira, 29 de outubro de 2014

O suspeito de mandar matar um promotor de Justiça de Itaíba, no Agreste de Pernambuco, em outubro do ano passado, se apresentou à Polícia Federal (PF), nesta terça-feira (28). O fazendeiro José Maria Pedro Rosendo Barbosa, 55 anos, estava foragido desde a época do crime e falou à imprensa que chegou a dormir em cemitérios para escapar da prisão.
José Maria chegou à sede da PF por volta das 18h, acompanhado pela esposa e por advogados. "Eu estou me apresentando espontaneamente. Isso era para ter acontecido bem antes, mas a Polícia Civil nunca quis me ouvir. O delegado da Polícia Federal [Alexandre Alves], na hora que chegou em Águas Belas, que procurou minha família, meus advogados, eu me dispus a me apresentar para contribuir com as investigações", disse.
A PF assumiu o caso em setembro passado, a pedido do Ministério Público Federal e por ordem do Superior Tribunal de Justiça. O delegado Alexandre Alves, que é de Brasília, assumiu o caso em caráter especial.
Fonte :G1
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página