Santa Cruz vence Guarani

quinta-feira, 11 de abril de 2013


Sem muito trabalho, o Santa Cruz bateu o Guarani/CE por 2x0, na noite desta quarta-feira, no Arruda, e avançou à segunda fase da Copa do Brasil. Os gols foram marcados por Dênis Marques e Everton Sena, ainda no primeiro tempo. Na próxima etapa da competição, o Santa Cruz terá pela frente o Internacional/RS. O confronto acontecerá apenas no mês de maio. Agora, o foco do Tricolor se volta para o Campeonato Pernambucano. No domingo, faz o Clássico das Multidões contra o Sport, no Arruda.

Tudo o que a torcida queria era um início de jogo tranquilo. E, dentro das quatro linhas, o time tratou de pôr o pedido em prática. Logo aos nove minutos, Flávio Caça-rato tabelou com Luciano Sorriso e foi derrubado na área. Dênis Marques foi para a cobrança do pênalti e abriu o placar, aos dez minutos. Não demorou muito para o segundo gol surgir. Everton Sena fez bela jogada pela direita e sofreu falta. Jefferson Maranhão cruzou na boca da meta e o próprio Everton Sena ampliou, de cabeça, aos 15 minutos.

O terceiro gol quase veio aos 24 minutos. Raul enfiou boa bola para Dênis Marques. Ele tentou dar um leve toque, mas Fábio interceptou. A partir daí, o Mais Querido cedeu espaços e por pouco não foi surpreendido, já que o Guarani chegou com perigo na área em pelo menos três oportunidades. Em uma delas, Moré finalizou e Tiago Cardoso fez importante defesa. 

Pouco antes do intervalo, o Santa voltou a pressionar e esteve muito perto de fazer o terceiro. Dênis Marques recebeu lançamento de Jefferson Maranhão e mandou na trave. Na sequência do lance, Raul deu bela finta na zaga e chutou, mas Fábio impediu o gol.

O Segundo tempo começou em ritmo lento. Os visitantes ensaiavam uma pressão, enquanto Santa administrava a boa vantagem. Por isso, só levou perigo aos 16 minutos. Maranhão deu novo lançamento para Dênis Marques, que avançou e chutou forte, porém Fábio defendeu. Aos 25, Caio Tavera - que havia acabado de entrar - acertou a trave, em chute de longe.

E o duelo entre Dênis Marques e Fábio continuou. O atacante coral aproveitou falha do zagueiro e ficou livre, no entanto o arqueiro adversário mais uma vez levou a melhor. O lance perdido não fez falta e o Tricolor garantiu a classificação sem maiores problemas.
Fonte:Blog de Primeira
Últimas Postagens

Facebook

Visualizações de página